Blogues

Retrato de Lotp

LeiriaCon

Sou um jogador compulsivo. Sempre fui. Digo na brincadeira aos meus amigos que não me posso meter no poker senão nunca mais o largo.

A minha paixão por jogos de tabuleiro começou em criança, com o inevitável Monopólio, mas também o Petróleo, a Bolsa, o Ludo (que, não sei bem porquê, chamávamos o jogo de Nitiritz – devia ser um acrónimo de “não te irrites”) e sobretudo o Risco.

Procuro com quem jogar Civilization :)

Boas!

Esta é a minha primeira entrada neste Blog.

Se procuras parceiros para jogar Civilization, apresento-me como candidato.

Já tive o jogo, mas despachei-o...

Recentemente deu-me uma enorme vontade de voltar a jogar! :)

Também sou adepto de outro tipos de jogos de estratégia, tipo Risco, Tactics II, ou Submarine, apenas como exemplos.

Tenho muita vontade de experimentar coisas novas, dentro do género, e gosto de jogos longos e complexos.

Sinto que uma coisa que um jogo terá que ter sempre para me fascinar será um mapa. Mas estou aberto a ser surpeendido. :9

Os meus votos a todos de magníficas jogatanas!

Retrato de sakopiP

Kickstarter - Nemo's War: Second Edition

Alguém interessado neste kickstarter?

https://www.kickstarter.com/projects/567823005/nemos-war-second-edition

Eu estou inclinado em avançar, e se formos 6 interessados o jogo ficará a 52$  (isto se o shipping estiver a ser bem calculado pelo site).

Análise do ano que passou em Jogos de Tabuleiro

Ora bem. Obrigado. Por tudo. Eu precisava disto. Precisava de colaborar convosco. Precisava de competir convosco. Precisava de vos trair. Precisava de brincar convosco. Precisava que não me levassem a mal. Precisava de vos mentir. Precisava que me mentissem. Precisava de fazer comentários simultâneos ao jogo. Precisava de mandar piadas. Precisava de ficar a olhar para o tabuleiro a fazer contas. Precisava de contar dinheiro por baixo da mesa. Precisava de resolver um mistério convosco. Precisava de falhar resolver um mistério convosco. Precisava de vocês a meu lado. Precisava de desconfiar que vocês me andavam a trair. Precisava que me tivessem a trair. Precisava de ser egoísta. Precisava de ser altruísta. Precisava de ser cruel.

Guidelines para escrita de comentários no blogue d'O_Falcao_Maltês

Caros,

É com grande prazer que escrevo mais uma posta aqui neste blogue, que tem sido recebido com grande carinho e atenção, o que me deixa bastante feliz. Escrever-vos-ia com prazer uma reacção a um jogo de que gostei e que joguei há pouco. Mas antes disto, temos que falar. Sobre nós.

Senta-te, leitor. Posso fazer com que te tragam um chá, uma água?

(Abro uma pequena caixa de metal e estendo-ta)

Uma cigarrilha? (Tu tiras ou então não tiras. Depois tiro uma para mim.)

Apps em desconto

Há muitas apps na Apple Store e Google Store com descontos durante o período da Black Friday.

Vejam em: https://boardgamegeek.com/geeklist/200006/digital-board-game-sales-black-fridaythanksgiving

Kemet ou A arte de dar na boca

Bom dia,

Espero que se sintam bem neste arranque da semana do depois da lua cheia (dopamina, acho eu, tenho que ir ver, mas sim, é, dopamina, agora que escrevo isto me lembro ou me convenço. Quanto mais escrevo este parentesis que, ó caraças, já vai em duas frases cheias de apartes se calhar o melhor é terminar.)

Desta vez celebrei a Lua Cheia no Baixo Egito. No Baixo Egito, como sabem, a lua cheia é celebrada comprando escorpiões e dando na boca dos amigos. 

Pandemic: Legacy - Season 1

Caríssimos,

Sejam muito bem vindos à segunda posta deste blogue. Para vossa segurança, recomendamos que desactivem os aparelhos explosivos que tenham perto de vocês (bombas, extintores e Fords Pinto) e que não pernoitem em cidades com mais que três cubos de doença.

Este corpo que vos escreve ganhou personalidade jurídica há cerca de três décadas. Os eventos desde esta data, chamada "data de nascimento," até à data de 11 de Novembro de 2015 (da era comum) são de importância académica, no âmbito do estudo do que vem a seguir, mas mais não constituem que um prelúdio, pelo que não me alongarei sobre eles.

Primeira posta do bloge

Caros todos,

De longe um dia me chegaram ventos que se calhar era boa ideia jogar um jogo chamado Pandemic. Um amigo, recordado com saudade no meu coração, assim me plantou a semente do que foi a descoberta da era dourada dos Jogos de Tabuleiro, em que estamos a viver.

E desde que entrei no meio que o procuro descobrir melhor e passar mais gente para o gáudio que é o lado de cá. Lembro-me bem de quais eram as minhas reservas, principalmente fruto de jogos de monopólio que, estimulantes, traziam o pior das pessoas para a mesa, e julgo até que separavam as pessoas.

Retrato de BlakenDorf

Projecto Talisman

Um pouco de história

Corria o (agora) longínquo ano de 1983. Uma companhia de hobbys fundada alguns anos antes, Games Workshop, lançou um jogo para o mercado, de forma a preencher um nicho que estava em falta: um jogo de fantasia e aventura, que fosse acessível a todos, sem a elevada complexidade dos jogos de miniaturas. Assim nasceu Talisman, um jogo que ficou para sempre conhecido como o pai dos jogos de aventura.

Premissa