Spiel des Jahres 2022 | Previsão

Retrato de Tiago


Falamos das nossas previsões do jogo do ano (spiel des jahres 2022) e jogo do ano complexo (kennerspiel des jahres 2022) aqui mesmo.
Qual a tua opinião?

Opções de visualização dos comentários

Seleccione a sua forma preferida de visualização de comentários e clique "Gravar configuração" para activar as suas alterações.

O SdJ deve ir para o

O SdJ deve ir para o Cascadia.

Dos três nomeados é o único que ainda não joguei. Não me chama muito a atenção, mas penso que será talvez o que melhor se adaptará ao alvo do prémio, especialmente porque agora é moda fazer jogos com bichinhos fofos...

O Top Ten é pouco original, é uma espécie de Wavelength versão discoteca...

O Scout é o primeiro jogo Japonês a ser nomeado, creio, e não vejo ali muita longevidade.

Para o Kenner, o Dune: Imperium é o melhor jogo e não vai ganhar... Tem conflito, um tema adulto e pouco fofinho não facilmente dado à ideia de jogo familiar que agrada ao júri do SdJ.

Provavelmente o Everdell seja o que fica com o prémio... Mais uma vez, lá estão os animais fofinhos e o tema "inofensivo" e o grau de complexidade será talvez o mais baixo dos três, o que é uma ajuda.

O Ark Nova é fixezinho, mas demasiado complexo e longo para este prémio.

É a minha aposta.

Os SdJ são um prémio interessante para a indústria e para quem está a começar no hobby... Se depois nos embrenhamos mais na coisa e procuramos jogos mais "carnudos", os vencedores deste prémio começam a saber a "pouco"... Especialmente nos últimos anos.

_

Não me irrita perder porque cada derrota ensina algo e torna a próxima vitória mais gratificante.

Por Everdell queres dizer

Por Everdell queres dizer Living Forest, acabo por concordar que isso muito possivelmente vai acontecer.

É como dizes, os SdJ são bons para quem está a começar e como tal são uma boa ferramenta para quem já muito joga introduzir novas pessoas ao hobby.

Como em qualquer coisa o facto de existirem prémios e cerimónias são sempre bons momentos de exposição que doutra forma não aconteceriam.

Pessoalmente e apesar de já jogar há largos anos começo a ter um amor renovado por designs mais simples, hoje em dia com tanta expansão e variante alguns jogos parecem autênticos monstros de Frankenstein que querem apelar a toda a gente tendo uma pitada de tudo.

Serão os efeitos da massificação, muito conhecidos no mundo do cinema e videojogos e que aqui se traduzem num buffet de opções que muitas vezes adicionam complexidade a um jogo que não precisa dela ou que atira quantidades absurdas de plástico para dentro da caixa na expetativa de convencer pelos olhos.

Quanto ao teu comentário do Dune Imperium, acho que estás a esquecer 2 grandes trunfos que o Dune tem: o Timothée Chalamet e o Jason Momoa!

Será que o júri vai resistir? ehehe

Um abraço.

Tiago escreveu: Por Everdell

Tiago escreveu:
Por Everdell queres dizer Living Forest, acabo por concordar que isso muito possivelmente vai acontecer.

Sim, isso.

_

Não me irrita perder porque cada derrota ensina algo e torna a próxima vitória mais gratificante.

Estamos em direto logo às

Estamos em direto logo às 21h30!

Vem falar connosco sobre jogos de tabuleiro!