Jogos novos para vós em Outubro de 2020

Retrato de Mallgur

Coloquem em resposta os jogos que jogaram pela primeira vez neste mês e as vossas opniões sobre os mesmos.

As ferramentas do Grimwold ajudam bastante a saber quais foram.

Opções de visualização dos comentários

Seleccione a sua forma preferida de visualização de comentários e clique "Gravar configuração" para activar as suas alterações.

"Are you not entertained? Is this not why you are here?"

"Are You Not Entertained? Are You Not Entertained? Is This Not Why You Are Here?" - Maximus Decimus Meridius

Azul: Summer Pavilion - 1 partida
Publicado em 2019
Board Game: Azul: Summer Pavilion

O terceiro título da série Azul era o único que me faltava experimentar... 
O segundo, Stained Glass of Sintra, não me fascinou. Este pareceu-me melhor mas, ainda assim, não o suficiente para subrtituir o primeiro. Por um lado, neste temos mais liberdade com os tiles e não há tanta pressão do risco de apanhar um monte de tiles que iriam para o lixo a dar pontos negativos. Por outro, pareceu-me haver mais lugar a hate-draft dos tiles, ou seja, escolher tiles para impedir os adversários de os obterem, mesmo que não nos sirvam para muito. E isso advém, precisamente, de ser menos penalisador apanhar tiles a mais...
É algo que terei que revisitar para confirmar esta impresões.

Hands in the Sea - 1 partida
Publicado em 2016
Board Game: Hands in the Sea

Aqui há uns tempos consegui obter este jogo através de uma troca. Enviei o meu Paths of Glory, não sem alguma pena para o receber. Mas a verdade é que esse título teria poucas probabilidades de ser jogado e este já foi à mesa...
É um óptimo jogo. Estou contente em tê-lo na colecção.
Pega na ideia base do sistema de A Few Acres of Snow e aplica-o à primeira guerra púnica. Espero voltar a jogá-lo em breve para que as regras e mecânicas ainda estejam presentes na minha memória.

The Castles of Tuscany - 1 partida
Publicado em 2020
Board Game: The Castles of Tuscany

É uma reimplementação do Castles of Burgundy. Não fiquei grande fã desse jogo e este também não me impressionou muito. Creio que é mais rápido e simples que o predecessor, o que é positivo porque o factor aleatório parece demasiado elevado para o meu gosto.
Para experiência online não foi terrível mas não fiquei muito interessado. Se surgir uma oportunidade para o jogar, não recuso.

Kokopelli - 1 partida
Publicado em 2021
Board Game: Kokopelli

Do mesmo designer do jogo acima, este é também simples e rápido. Mas mais interactivo que aquele e embora claramente apontado ao segmento "familiar", é uma experiência fluida que oferece algumas decisões curiosas.

Clash of the Gladiators - 1 partida
Publicado em 2002
Board Game: Clash of the Gladiators

Um jogo já "antigo" do mestre Knizia. Muitos estarão já a imaginar um jogo muito mecânico e abstracto. Estarão errados...
É um jogo muito temático (e estou a falar no sentido mais directo do termo), com muitos lançamentos de dados e, pasme-se, eliminação de jogadores! Sim, é do Knizia... Não há engano.
Já o tinha olhado com algum curiosidade no passado mas, mais recentemente li esta review e coloquei-o na lista de jogos que queria em troca. E apareceu uma proposta que aceitei.
A primeira experiência com o jogo foi só a dois e fico com a ideia de que o jogo será mais divertido e violento com mais jogadores... Espero encontrar um dia adversários em número suficiente para o ver brilhar...
 

_

Não me irrita perder porque cada derrota ensina algo e torna a próxima vitória mais gratificante.

Quadropolis

Olá!

Quadropolis foi um jogo novo que joguei em Outubro!

É um jogo familiar em que tens de programar as tuas ações futuras. Tanto na peça que escolhes para crescer a tua cidade como o local onde a colocas. Recolhes pessoas e energia para colocar os teus edifcios a funcionar e assim ganhar pontos consoante os edíficios que estão ao lado. Achei que o tema até acompanha bem as mecânicas. falta experimentar a mais de dois e com a variante "expert".

Experimentei durante o período gratuito no BGA.

Gostei. Mas eu sou um amante de 7 wonders. Este tráz novo vento ao jogo base, fazendo-nos preocupar com mais uma maneira de ganhar o jogo: o controlo no senado. As cartas de conspiração podem alterar muito o rumo visivel do jogo.

Zombicide e TtA

Bom dia.

Os jogos novos de Outubro foram:

Through the Ages: Uma Nova História de Civilização - 6 partidas

Publicado 2015 (Versão portuguesa da devir em 2017)

Sendo maioritáriamente jogador solo, apenas joguei desta forma umas 6 vezes a versão do bgg user Kerred, visto que o jogo base é apenas de 2 a 4. Mesmo assim adorei o jogo. Quero muito experimentar o jogo físico em multiplayer.

Este mês de Novembro já joguei também no BGA em multiplayer. É bom, mas não é a mesma coisa de ter o jogo físico na mesa :).

Mais informações e a opinião sobre o que achei do jogo em: https://www.abreojogo.com/cantinho_dos_jogos_solo/2019/09/fotografias_em_modo_solo#comment-117946

Zombicide: Black Plague - 4 partidas a solo e 4 em multiplayer

Publicado em 2015

Embora seja um pouco diferente do estilo de jogo a que estou habituado (eruogames), gostei bastante, principalmente em multiplayer. Também é no entanto bom a solo.

Podem ler informação e a minha opinião sobre o jogo em: https://www.abreojogo.com/cantinho_dos_jogos_solo/2019/09/fotografias_em_modo_solo#comment-118215

The Isle of Cats

Board Game: Noch mal so gut!
Noch mal so gut!
Nome em Português: Plenus 2. Jogo Roll&Write que é uma versão revista (upgraded) do jogo Plenus em que lhe adicionaram um dado extra. Joga-se bem mas dentro do género já joguei outros que gostei mais.
 
Board Game: Railroad Ink: Deep Blue Edition
Railroad Ink: Deep Blue Edition
Mais um Roll&Write. Só joguei o base (sendo que o jogo vem com uma variante avançada). Já tinha jogado um jogo P&P muito semelhante (30 Rails) sendo que este me parece apenas mais um...
 
Board Game: In the Hall of the Mountain King
In the Hall of the Mountain King
Pick-up and Deliver com algumas coisas originais e com bastante interação entre os jogadores. Achei engraçado mas longo demais para o jogo que é.
 
  Board Game: En Garde
En Garde
Jogo do Knizia para 2 jogadores, rápido e bastante temático. Envolve uma boa dose de sorte para conseguir ter as cartas certas. Depois é saber "ler" a mente do adversário.
 
Board Game: Tea for 2
Tea for 2
Foi-me recomendado por um amigo do Norte que jogou e gostou. Achei o jogo interessante mas acho que a minha mulher não ficou fã. Simples e com bastante ritmo. Viramos as cartas em simultaneo e quem "vence" cada jogada escolhe uma de duas decisões possíveis. E é isto!
 
Board Game: Blitzkrieg!: World War Two in 20 Minutes
Blitzkrieg!: World War Two in 20 Minutes
Mais um pequeno jogo que gostei de jogar. Tal como o En Garde, é um daqueles jogos em que temos de ter alguma sorte em ter os tiles certos na altura certa. Mas tentar perceber o que o adversário pretende fazer é fundamental para podermos tentar surprender.
 
Board Game: The Isle of Cats: Kickstarter Edition
The Isle of Cats: Kickstarter Edition
A surpresa do mês. Este era daqueles jogos para o qual eu nem pensaria em olhar. Jogo relativamente simples em que temos de ocupar o nosso barco com peças género tetris (puzzle). Tem uma fase de draft de cartas que servem depois para definir a ordem de turno, para o número de peças a adquirir para colocar no barco, etc. Se surgir a oportunidade voltarei a jogar com todo o gosto mas não estou a pensar em adicionar o mesmo à minha coleção.
 
Board Game: Watergate
Watergate
Já há muito que andava para experimentar este jogo e não desiludiu. Temático (jornalistas do Washington Post contra administração Nixon), é mais um jogo em que temos de jogar as cartas certas na altura certa de modo a tentar surprender o adversário.