down*town rpg, planos para o Futuro

Retrato de Rui

Pus uma pequena entrada sobre um recurso que irei usar, e alguns planos para o futuro próximo.

Vejam em: downtownrpg.blogspot.com

Opções de visualização dos comentários

Seleccione a sua forma preferida de visualização de comentários e clique "Gravar configuração" para activar as suas alterações.

Uma coisa que levou a

Uma coisa que levou a escrever um rpg noir foi o excelente comic Blacksad; numa das aventuras de Blacksad o personagem lida com racismo e crimes sexuais.

Por causa disso acrescentei Intolerância à lista dos Traços que os personagens podem escolher; o jogador escolhe algo a que o seu personagem é intolerante: raça, credo, sexo, ou outro; um interessante poderá ser Intolerância a Estrangeiros, por causa dos refugiados da fome e das guerras dos outros países, e Intolerância a Transhumanos, por causa das pessoas que modificam e melhoram o corpo; não é algo bom, longe disso, e potencialmente perigoso num jogo, mas é terrivelmente apropriado para algo noir, onde os personagens são longe de ser perfeitos.

Queria saber a vossa opinião sobre isto, por isso se puderem e quiserem, respondam por aqui, por mail, ou directamente para o blog.

O post em questão é este: https://downtownrpg.blogspot.com/2011/05/lista-de-tracos.html

Obrigado!





A jogar: D&D 4th Dark Sun
A escrever: down*town, tech-noir rpg

A escrever: down*town, tech-noir rpg
Proto Agonístes um rpg de auto-descoberta, de um personagem e vários jogado

Eu tendo a ver esse tipo de

Eu tendo a ver esse tipo de descritores como particularmente úteis para os MJ. Já quanto aos PJs, tenho as minhas dúvidas.

Sérgio

Eu sei que pretendes expôr

Eu sei que pretendes expôr publicamente o DOWN*TOWN o suficiente para as pessoas conhecerem-no e colaborarem mas não seria produtivo uma compilação no GoogleDocs? Onde se pudesse comentar e contribuir em tempo real?

sopadorpg.wordpress.com - Um roleplayer entre Setúbal e Almeirim

Ludonautas Podcast - Viajando, sem nos

sopadorpg.wordpress.com - Um roleplayer entre Setúbal e Almeirim
Ludonautas Podcast - Viajando, sem nos movermos, pelos mundos do RPG

Nem toda a gente sabe que o

Nem toda a gente sabe que o Google Docs existe, e eu não fiquei extremamente contente com o seu modelo quando estava a trabalhar no Dara; aquela maneira de contribuir, comentar e colaborar não me agradou porque não tinha uma noção completa de quem tinha comentado o quê.





A jogar: D&D 4th Dark Sun
A escrever: down*town, tech-noir rpg

A escrever: down*town, tech-noir rpg
Proto Agonístes um rpg de auto-descoberta, de um personagem e vários jogado

Bem, acho que houve uma

Bem, acho que houve uma melhoria nesse aspecto desde o Dara para cá. Permite até chat em tempo real por parte de quem está a consultar o documento.

sopadorpg.wordpress.com - Um roleplayer entre Setúbal e Almeirim

Ludonautas Podcast - Viajando, sem nos

sopadorpg.wordpress.com - Um roleplayer entre Setúbal e Almeirim
Ludonautas Podcast - Viajando, sem nos movermos, pelos mundos do RPG