TRIKOR Playtesting na InvictaCon

2014-10-04 16:00
Local: 

InvictaCon


Olá Jogadores!

Criei um jogo e gostava da vossa opinião.
Neste fim de semana vou estar na InvictaCon para testar o TRIKOR.

O objetivo é criar uma obra de arte abstrata com triangulos coloridos!
Apareçam!

Miguel Rocha

Opções de visualização dos comentários

Seleccione a sua forma preferida de visualização de comentários e clique "Gravar configuração" para activar as suas alterações.

Cá estamos

A InvictaCon já está a bombar... Cá estaremos para dar uma vista de olhos nisso.

_

_

Não me irrita perder porque cada derrota ensina algo e torna a próxima vitória mais gratificante.

Excelente!

Amanhã lá o espero!

Trikor

Antes de mais é de enaltecer mais um trabalho tuga a surgir no panorama nacional. 

Tive a oportunidade de testar o jogo e fiquei agradavelmente surpreso. 

Tem uma mecânica com algumas semelhanças aos castelos de Carcassonne.

 

Há um saco repleto de peças triangulares para construir uma obra de arte. Cada triângulo está por sua vez dividido em três partes, podendo conter até três cores diferentes. Vão sendo construídas áreas com cores à medida que pousamos peças, sendo que podemos colocar um marcador nosso na peça, também em forma triangular, em cima de uma das cores presentes nessa peça.

Podemos posicionar a peça de pé ou deitada.

Se for colocada de pé, quando a área dessa cor estiver fechada, o jogador ganha pontos consoante o tamanho da área, e recupera a peça.

Se for colocada deitada, é preciso fechar a área onde está a peça e, todas as áreas em redor. Portanto, é mais difícil. No entanto, quando conseguido, o jogador ganha três pontos por cada uma das áreas circundantes e recupera a peça. Este poderá ser um método arriscado, pois garalmente é um benefício a longo prazo, e não há certeza que venha compensar o suficiente.

Pareceu-me que a melhor opção é colocar uma peça de pé, e procurar alargar essa área o mais possível. 

 

Isto é somente a minha opinião, e apesar de só ter jogado uma vez, mas considero que o jogo está interessante, apresenta um desafio merecedor da nossa atenção, e a forma final que surge na obra de arte abstrata é visualmente apelativa.

Parabéns ao autor e boa sorte.

Se vier a estar à venda, irer considerar a sua compra.  

Fico contente com o seu feedback!

Agradeço a sua disponibilidade de o ter testado e fico naturalmente satisfeito com o seu feedback!

Nice!

Um jogo facil, simples e rapido de jogar.

E que no fim de cada jogo faz-se uma obra de arte...

__________________________________________________________

"Sometimes you gotta roll the hard six."

--Commander William Adama

Bom jogo!

Também eu experimentei hoje o Trikor e gostei.

Consegue estabelecer uma improvável relação entre o Tri-onimos e o Carcassonne, com a vantagem de resultar em sempre diferentes obras de arte abstrata.

O protótipo está muito bem conseguido. Destaco o apelativo logótipo, o saco das peças e o marcador de pontos desdobrável em forma de triângulo.

Parabéns ao Miguel e boa sorte! O Trikor merece ser publicado!

Especial agradecimento a todos os Playtesters do TRIKOR!

Agradeço a todos vós que se disponibilizaram a testar o TRIKOR e pelas vossas sugestões e feedback!

Balanço do Playtesting

Fica aqui o balanço do Playtesting:

> foram jogados 11 jogos

> 31 playtesters diferentes

> jogaram-se jogos com 2,3,4,5 e 6 jogadores

> a duração média do jogo foi de 1 hora (variou entre 50-1:10)

O feedback foi bastante positivo e ficaram algumas sugestões interessantes!

Mais uma vez agradeço a todos os que participaram.

Em breve espero conseguir colocar aqui fotografias das sessões.

Gostei

Sendo um novato nestas coisas, a minha crítica não será nada de espectacular.

Posso dizer que gostei do jogo. Nem me tinha apercebido que o jogo tinha demorado tanto tempo (quando o acabei pareceu-me mais um jogo de 30/40min), o que vejo como um factor positivo. Com uma dinâmica parecida à do Carcassone, a jogabilidade torna-se diferente com a forma triangular das peças e com a peça de repetição (algo que comentei que torna o jogo mais interessante mas também pode ser malévolo para os outros).

Graficamente, simples mas eficiente. O logo, como já foi dito, é apelativo. Só a board das pontuações é que terá de ser melhorado como o próprio autor admitiu.

A ver se numa próxima oportunidade volto a experimentar para comparar com as minhas considerações desta primeira vez. Boa sorte com o projecto.