o blogue de Warman

Retrato de Warman

Dark on the move.

Depois de muito tempo, finalmente o meu RPG teve um breakthrough e nos ultimos dias pela primeira vez, parece-me que o fim esta proximo. Estou certo que antes do termino do ano o RPG estará a ver a luz do dia. Deixo aqui e para ja um pequeno excerto do livro. As minhas desculpas por se encontrar em ingles mas, tendo em vista o corrente panorama RPGistico, acho utopico sequer pensar em produzir alguma coisa em PT.

Retrato de Warman

Battle Royale

Oh webmaster, ja punha o Cyberpunk na lista de sistemas. :)

Ok, peço desculpa por ir em ingles mas da demasiado trabalho escrever de novo e acho que toda a gente percebe:

 Cyberpunk 2020:

I tried a new aproach to an adventure today and i think it worked very well.
Players are thrown on a beach in a deserted tropical island. They have minimal rations and limited weaponary. Only information they have is a map of the place.

Now, the way this works is i design a map with 5 drop locations for teams and several other encounters such as equipment caches (abandoned villages) and booby traps.
Whenever the players encounter something like that i do a simple roll to determin its characteristics.

There is a timer which for every 6 minutes of real time determines an hour gone by ingame. Final objective is for a team to manage its way to a bunker on the islands mountain in order to escape.

Each drop location has a specific equipment piece (binoculars, gps, compass) and players have their selected randomly. NPC teams move and act each hour acordingly to a simple dice roll.

Its sort of a "battle royale" thing with a time limit of 1:30 real time. I ran it tonight and it worked very well.

Opinions?

Retrato de Warman

Dados escondidos.

Tenho andado no paleio com os gajos do "sons of kryos" e surgiu uma duvida interessante.

Basicamente é assim, eu lanço os dados atras do screen e muitas vezes ignoro-os e faço coisas completamente diferentes. Voces fazem isso? O que achavam se vos dissessem que isso é errado e que se estão a fazer isso então os sistema que estão a usar não funciona bem?

Retrato de Warman

Opinioes precisam-se

Fiz na segunda passada uma apresentaçao em ingles tecnico sobre RPGs.

Chego eu ao fim e a prof pede-me o relatorio escrito...

QUE???? ah pois é amigos, escrito e em 10 paginas...é o que dá faltar as aulas, pensei que chegava la, dava duas de treta e prontos.

Tenho de o entregar proxima segunda. Opiniões?

Retrato de Warman

Mais uma character sheet para Cyberpunk 2020.

Varios factores levam-me neste momento a produzir mais uma iteração da folha de personagem de Cyberpunk 2020 que se usa aqui por Braga.

Acreditem ou não esta é já a versão 6.0 e não consigo precisar quantas já exisitiram antes. Digamos apenas que a ultima era a 5.6

Razões:

-Primeiro temos o facto que eu ter recentemente descoberto uma enorme redundancia no sistema que estava reflectida na sheet. Era necessario que esta fosse retirada mas como ela ocupava 50% do header, tive de re-pensar toda a folha (thus 6.0).

-Segundo, ill be running a session no sabado featuring  LadyEntropy e o Aramoro como netrunners. Nunca se fez uma campanha de runners por isso quero que esteja tudo bem afinado.

-Ultimo a minha psicologa, que anda a tentar tratar o facto de eu ser um calão de 30 anos à 10 na universidade, deu-me como trabalho dispender todos os dias pelo menos  uma hora a trabalhar para um RPG.

Retrato de Warman

Our story so far pt.1

Ok, comecemos pelo principio para quem não leu e não vai ler o "slide into metropolis". Os personagens mortais vivem todos no mesmo bairro dos suburbios da cidade de NY. Certa segunda feira recebem o jornal datado da semana seguinte bem como algumas cartas datadas do futuro. Este é o inicio de um shift nas ilusões do nosso mundo, em que todo o bairro está a começar a sua lenta transição para metropolis. Os jogadores presenciam fenomenos extremamente invulgares na primeira semana e a partir dai são aprisionados no bairro so conseguindo fugir com a destruição do mesmo.

Passagem de tempo de 3 anos até as sessões correntes. Como expliquei anteriormente, os jogadores escreveram uma pequena historia do que se passou nesta altura com especial atenção a maneira como o slide lhes afectou a vida e de como isso levou ao embrace.

Retrato de Warman

MORDERAM-ME A ORELHA???

Jogamos ontem a nossa terceira sessão do hibrido Vampire/Kult.

Os jogadores depois das duas aventuras introdutorias de "slide into metropolis" (procurem no google que vale a pena ler) em que ainda eram mortais foram encorajados a escrever uma pequena historia de como teriam sido embraced e como tudo o que passaram lhes moldou a personagem. Começamos então a terceira sessão em que os personagens já são imortais mas os jogadores não estão ainda familiarizados com a situação politica em que se encontram as personagens.

A campanha passa-se na ilha de Manhattan e aqui fica uma breve descrição dos intervenientes:

Brujah têm uma presença pouco consideravel na ilha. Têm dominio em Little Italy e Chinatown mantendo o seu territorio aberto aos demais.

Retrato de Warman

Alternativo

Acho que ando definitivamente dedicado ao alternativo! Primeiro decidi iniciar uma campanha de vampire em genero hibrido com Kult e como tal nada melhor do que arrancar com "Slide into Metropolis". É uma pequena aventura introdutoria a Kult que embora necessite de bastantes patches não deixa de dar um inicio excelente a quaisquer jogadores que participem. Não me adianto mais aqui porque é muito provavel que estas linhas estejam a ser lidas por espiões de oculos. :P

Seguindo pelo anternativo e a procura de um RPG para o fim de semana decidi tentar, e que nome apropriado, Alternity da TSR. A minha ideia acerca do jogo foi sempre de que continha boas ideias mas era demasiado complexo para correr em fast paced action. Bom, depois de uma tarde a aprender o sistema e de duas sessões posso dizer que é soberbamente mecanico mas muito pesado. Não que seja irrascivel mas a curva de aprendizagem é suficientemente alta para desencorajar muitos bons roleplayers.

Retrato de Warman

A culpa é do publico!

Já la vou mas antes e como muito gosto aqui vai uma piquena alegoria:

O Seinfeld vai actuar no seu stand-up e a noite corre muito mal sem nenhuma gargalhada... Ele chega ao backstage e diz "Este publico é uma merda!". Ele tem razão?

Ou seja, portanto o mr. Seinfeld fica fodido pq o publico não se riu do que usualmente funciona!

Alegoria ends e cross-link para RPGs em que o seinbixo era GM e o publico eram os players. De quem é a culpa?

Primeiro, o que funciona com uns players pode não funcionar para outros.

Segundo, o GM tem de ser flexivel in-game e adaptar o seu estilo ao sabor da resposta dos jogadores.

Terceiro, o GM tem de aquecer o publico para obter resposta dele.

Quarto, os jogadores tem de sentir que são importantes para o GM.

Todos estes pontos fazem paralelos directos com o stand-up comedy e com eles tentava so imaginar o que levaria um GM a chegar back-stage e dizer " Que players de merda ". 

Retrato de Warman

Witchcraft?

Foi-me dada esta sexta-feira que passou, nova esperança relativamente ao meu proprio sistema de jogo que como já referi se intitula "Dark".  Foi pelas onze da noite que fiquei a conhecer em toda a sua plenitude, um sistema de jogo publicado, apoiado e com diversos suplementos de nome witchcraft. Ora quem quer que inventou tal coisa devia sofrer de um nó na pinha de modo a que este se refletiu directamente no sistema de jogo. Ponto a ponto, são usados todos os tipos de dados que alguem se podia lembrar e isto porque? Não é concerteza por motivos estatisticos visto todos os lançamentos obedecerem a uma distribuição de probabilidade uniforme mas quase parece propositado para chatear. Ao jogador não basta lançar o dado, ele tera de executar operações como multiplicações, somas, pre adição ou subtração de valores tabelados conforme o caso e finalmente chegar a um resultado suado. Tudo no RPG parece seguir esta filosofia e nem a criação de personagem escapa quando somos deparados com coisas como ((Con+dex+wil)*4)+10 para definir pontos de endurance. Para finalizar esta curta impressão quero so rematar dizendo que a deturpação é tal que a deterrminado ponto no livro de regras deparamo-nos com pequenos doces como sejam podermos ter o skills de esteticista, podermos ser paraplegicos ou termos o nivel de crueldade dos gatos...