Session Report 02 : Civilization

Retrato de DalimThor

3/1/2009 - 5 Players

João - Babylon

Manuel - Assyria

Eu - Crete

Helena - Egypt

André - Thrace

 

Desta vez depois de um maior recrutamento começamos o jogo com 5 jogadores, 3 deles novos ao jogo.

 

Como sempre os primeiros turnos passaram-se relativamente sem problemas e todos a evitarem confrontos. Babylon a manter-se perto do seu territorio inicial e expandindo-se, Thrace a comportar-se de igual modo a descer para a grecia e o Egypt da mm forma a subir lentamente o Nilo. Creta começa a construção das suas frotas vitais para a sua expansao e Assyria deixa o seu territorio inicial e expande-se na direccao da turquia tomando o seu controlo.

 

As primeiras cidades nascem Egipto, Babilonia e Assyria populam o mundo cada uma com 2, 2 e 1 cidades respectivamente. Creta e Thrace esperam com calma e no próximo turno fundam as suas primeiras cidades tb, não perdendo mt na corrida.

 

Como em mts jogos nossos confrontos tentam-se evitar e vários negócios são feitos para as fronteiras dos territorios. E assim fica o mundo definido Egipto ocupa todo o seu territorio ao largo do mediterraneo parando perto do Irão fazendo ai fronteira com a Babilónia.

Por sua vez a Babilónia extende-se desde do seu territorio ocupando até ao mediterraneo numa linha algo estranha mantendo assim as fronteiras com Egipto para baixo e Assyria para os lados da turquia.

A Assyria ocupa toda a Turquia menos um pequeno territorio cedido a Creta e no seu territorio inicial encontra uma pequena fronteira com Thrace que ocupou na sua expansao. Thrace assim ocupa td desde da sua base inical até ao ponto de inicio da Assyria até ao inicio da Grécia que faz ai fronteira com Creta.

Creta assim ocupa todas as ilhas existentes no mundo e a Grécia completamente e um pequeno territorio na Turquia que não representa perigo para a Assyria.

 

Este foi o panorama das fronteiras no mundo pela maior parte do jogo sem falar no ataque de Creta e Babylon a Assyria sem grandes efeitos devido as calamidades que acabaram por aparecer no mm turno, nomeadamente Famine, Epidemic e Civil war em Babylon, fraquecendo assim todas as nações sem hipotese de manter o controlo nas novas aquisições de territorio. Maior parte das expansoes sobre novos territorios foram mais ou menos assim, acabava sempre com uma calamidade que nos obrigava a restaurar internamente as civs impedindo assim os nossos avanços de conquista para grande desgosto dos que tentavam.

 

Chegou a tal ponto de calamidades que Babylon se viu reduzida sem cidades e Thrace de igual modo quando dividiu a sua civil war com o Egipto obrigando dps o Egipto a cair em revoltas por falta de pagamento de impostos. Entretanto Egipto vingava-se contra Creta após sair outra epidemic por falta de respeito dos diplomatas Cretas de gozarem com a falta de dinheiro do Egipto e pela ameaça que agora apresentava nas costas do Mediterraneo, Creta viu-se entao reduzida a pouco mais de 3 cidades e pouca população.

 

Negócios eram feitos e Egipto por várias ocasioes trocava desastres com todos, esta situação fazia as pessoas mais reticentes de trocarem com Egipto, Thrace escolhia não trocar os desastres a fim de não sofrer repercussoes devido a sua precária situação.

 

O fim do jogo avizinhava-se perto e Creta e Egipto andavam na vanguarda com Thrace e Assyria atrás e Babylon no fim. Quando se deu o final Creta e Egipto empataram mas no desempate Creta ganhou com mais pontos.

 

Foi um jogo bastante disputado e com as calamidades a sairem tanto, mtas gargalhadas e sons de desgraça saiam dos governantes das civilizações. Dos 3 novos jogadores 2 gostaram bastante um não gostou tanto pq tava a espera de uma coisa diferente mais parecida com o jogo de computador na minha opinião. Demorou um bocado mas durante o jogo várias discussoes de assuntos e vários acertos de contas para comprar as civics demoraram e atrasaram o jogo, e por ter sido durante a madrugada tb não ajudou assim tanto a situação mas foram 6h/7h bem passadas.

 

Houve discussões com a Metalurgia que não ficou assim tão bem assente como funcionava mas resolvemos de forma a dar +- bem. Ficou por fim marcado outro jogo a acontecer no futuro =).

Opções de visualização dos comentários

Seleccione a sua forma preferida de visualização de comentários e clique "Gravar configuração" para activar as suas alterações.

Ora bem, O Egipto só se

Ora bem,

 

O Egipto só se virou contra Creta depois desta lhe arruinar todas as trocas possíveis com outros jogadores, o que tornou a vitória claramente injusta, apenas possível devido aos comentários maldosos dos diplomatas cretenses. :P

 

Em relação ao tempo que várias fases do jogo demoram (trocas e aquisição de cartas de civilização), penso que é normal visto nenhum dos jogadores ser muito experiente... e até tem uma certa piada a parte das propostas e contrapropostas (principalmente quando há calamidades envolvidas... :x).

 

Creta à parte, foi bastante positivo ter conseguido arranjar 5 jogadores e até foram umas horas bem divertidas. ^^

lol

na temos culpa ke o povo egipcio seja forreta nas trocas comerciais com os restantes povos :x :p

---- Latest News ----

It lives!

BGG

Agora tb pode ser visto em ingles no BGG =) (sofre algumas mas mt poucas alteraçoes)

http://www.boardgamegeek.com/article/3057045

---- Latest News ----

It lives!