The circus comes to town

Retrato de hugocarvalho

O circo da Formula Dé chegou à cidade de Cascais, mais propriamente à ArenaMech, para aquilo que foi, espera-se, a primeira prova da época. Participaram neste glamouroso evento, o Manuel Pombeiro, o Ricardo Madeira, a Raquel e eu.

O circuito escolhido foi o de Buenos Aires que testou, e de que maneira, as capacidades de fazer contas dos intervenientes. Apesar de ter algumas áreas em que era possível acelerar sem medos em sexta velocidade, tinha, por outro lado, uma segunda parte de pista bastante lenta e manhosa onde todo o cuidado era pouco e onde os carros sofriam constantes danos às mãos dos seus inexperientes pilotos.

Ricardo beneficiou da excelente posição que ocupou na largada, com dois carros nas três primeiras posições. Com uma largada digna de nota, o primeiro carro da equipa conseguiu desembaraçar-se facilmente do perigo da primeira curva e, com a pista toda livre à sua frente e sem carros para atrapalhar o andamento, conseguiu escolher as melhores trajectórias e manter a posição dianteira até final. Diga-se que o vencedor fez uma 2ª volta a uma velocidade estonteante, alcançando uma vantagem para o 2º classificado quase de um quarto de pista.

Mas se a luta pelo primeiro lugar não teve interesse nenhum, fazendo lembrar as corridas de Schumacher no último ano em que foi campeão, a disputa pelos lugares seguintes foi sempre de cortar a respiração, sucedendo-se as ultrapassagens e as travagens bruscas e sentindo-se claramente o cheiro a pneu queimado a entrar pelas narinas, acabando mesmo os pilotos, nas derradeiras rodadas, a lançar os dados de pé tal a ansiedade com que estavam.

Algumas manobras mais arriscadas lançaram os dois carros da Raquel para os últimos lugares e apesar dos seus esforços, os problemas mecânicos e de pneus não permitiram que se chegasse à frente, sendo seu andamento lento e terminando em 5º e 7º.

Por outro lado, o Manuel esteve sempre em luta pelos lugares do pódio e por leves segundos, ainda se pensou que conseguiria chegar ao primeiro lugar, mas problemas de travões fizeram-no abrandar o ritmo e a lutar pelos lugares seguintes do pódio. Conseguiu, mesmo no fim os honrosos 2º e 4º lugar.

Quanto à minha actuação, poupei os carros o máximo que pude durante a primeira fase da corrida, entrando ambos na 2ª volta praticamente imaculados. Como saí nos últimos lugares da grelha, fiz uma corrida de trás para a frente. Preparava-me para alcançar o segundo e o terceiro lugar quando subitamente parti o motor do meu primeiro carro e na última curva acelerei demasiado, acabando o meu segundo carro por fazer um peão e terminar a corrida em 6º. O Manuel aproveitou o erro para ficar em segundo e o Ricardo colocou o seu segundo carro no 3º lugar do pódio. Fiquei-me por um vergonhoso 6º lugar.

Espera-se que se repita a jogatana proximamente, desta vez com mais participantes e também que alguém se lembre de levar o champanhe, que isto de ganhar corridas e não festejar em conformidade não tem piadinha nenhuma.

Fotos da corrida em: