Fotografias em modo solo!!

Retrato de lbaixinho

Este é um tópico para animar um pouco as coisas aqui no grupo e no Abre o Jogo. A premissa é simples, colocarem fotografias das vossas sessões de jogos a solo.
Claro que podem e devem comentar as fotografias uns dos outros. Seja por causa do jogo ou por causa da própria fotografia :D

Opções de visualização dos comentários

Seleccione a sua forma preferida de visualização de comentários e clique "Gravar configuração" para activar as suas alterações.

Forbidden Island

Aqui vão as minhas duas primeiras fotografias:

Duas imagens da minha sessão de Forbidden Island em que comecei em modo Elite e perdi... :/

Uma partida da mais recente

Uma partida da mais recente aquisição, La Granja pela manhã, com um resultado nada de especial, 59 pontos

Snowdonia

Mais uma partida deste excelente jogo, e com esta versão deluxe ainda é melhor. Jogo base com o comboio nº3, com uma pontuação um pouco baixa de 166, longe do meu melhor com este de 186.

Tenho de começar a jogar com os novos cenários e comboios fora do jogo base, devo acabar lá para 2030\2040.

AndrePOR escreveu:

AndrePOR escreveu:

(...)
Tenho de começar a jogar com os novos cenários e comboios fora do jogo base, devo acabar lá para 2030\2040.(...)

Pois, é um problema dos novos jogos. São tão grandes que para os explorar bem são necessários anos :D
Lembro-me de ver alguém a vender o Gloomhaven por causa disso mesmo. Jogou uma vez e chegou à conclusão que nunca iria ter tempo para o acabar.

Ontem também andei pelos

Ontem também andei pelos comboios.

Continuo a achar piada ao Railroad Ink  Um setup rápido, uns 10 minutos de jogo e depois o cálculo e arrumação também é rápida. Óptimo para a pausa do almoço no trabalho já que fica despachado em menos de quinze minutos.

Xia: Legends of a Drift System

Já tenho 11 sessões a solo e ainda sinto que ando a explorar o jogo :)

Xia

Ola 

Estás a jogar o base, ou com a expansão ? O modo solo é uma das variantes do BGG ?

Obrigado

João Monteiro

Com expansão

Olá João.

Estou a jogar com a expansão. Além de permitir o modo solo, corrige alguns problemas da versão base. Na fotografia distingues que tem a expansão por causa da presença da estrela Nyr (o jogo passa a começar sempre com essa tile), pelas cartas cor-de-rosa (Ev), pelo novo board de contagem de pontos e pelo economy board no canto inferior direito.

Black Angel

neste momento na mesa a aprender as regras. Tem as suas parecenças ao Troyes, mas parece-me diferente suficiente para ter o seu mérito próprio. Sendo que o Troyes é provavelmente o meu jogo favorito para multiplayer, este com opção a solo, era obrigatório.

(desculpem a qualidade da foto, é de noite e a câmara não é grande coisa)

terminou

comigo a levar uma tareia no Easy mode, 44\61, mas a 2ªvez vai correr bem melhor, as regras já estão bem adquiridas e os próximos jogos vão fluir melhor. Para 1ª impressão é um excelente jogo.

Na

2ª tentativa já consegui vencer 71\66.

Premissa algo confusa

Tropecei nele no outro dia e fiquei algo confuso com a premissa da história... e gosto de sci-fi.

Para já apenas despertou a curiosidade para experimentar em multiplayer.

Imperial Settlers

Duas sessões a solo no domingo passado. No primeiro fiz um time-lapse (a ver se mostro mais tarde) e no segundo algumas fotos.

43 pontos com os Romanos e 53 com os Egípcios. 

Continuo a achar o jogo bem agradável que proporcionam vinte e pouco minutos de decisões leves.

Ando para o voltar a jogar

Ando para o voltar a jogar mas nunca puxa. Não sei porquê perdi um bocado o interesse no jogo embora gostasse muito de o jogar.

Como o comprei em Abril,

Como o comprei em Abril, ainda está relativamente fresco. Acredito que de tempos a tempos tenha uma fase que o jogue bastante. 

Bem, creio que isso aconteça com a maior parte dos jogos a solo :)

Zombicide Black Plague

Comecei a jogar novamente Zombicide Black Plague. Desta vez pretendo jogar todas as Quests de forma a tentar avançar o meu objectivo de 10x10.

Joguei a Quest 1 e 2. No 2 coloquei todos os minis no tabuleiro, obviamente morri 2 ou 3 rondas depois, mas faltou pouco para ganhar. No 1 e no 2 ganhei.

Ver se começo a pintar estes minis :)

Ficam aqui as fotos:

Zombies é mesmo algo que não

Zombies é mesmo algo que não me atrai. Joguei uma vez um dos Dead of Winter (multi) e desesperei para aquilo acabar :)

Balrogas escreveu:

(...) meu objectivo de 10x10.

(...)

Já ouvi falar disso, o que é ao certo?

Eu gosto de Zombies mas

Eu gosto de Zombies mas prefiro outro tipo de terror/suspense (mais na onde de Lovecraft).

Também não gostei do Dead of Winter send umas das grandes decepções que tive em jogos sinceramente.

O 10x10 é definires objectivos para jogares mais jogos mais vezes, neste caso tentas jogar 10 jogos 10 vezes durante 1 ano. Também tens outros como 5x5 ou jogares todos os jogos da tua colecção (mais irrialista se tiveres um colecção já grandinha).

Este é o primeiro ano que estou a tentar fazer algo deste genero e obviamente os jogos do 10x10 são todos jogos que jogo solo pois caso contrário seria mais dificil de atingir.

Aqui ficam os meus 10x10 e 5x5 (opcional este)

10x10:

  • Wingspan (5/10)
  • Mansions of Madness 2nd Edition (4/10)
  • Scythe (1/10)
  • Zombicide Black Plague (2/10)
  • Clank (2/10)
  • Architects of the West Kindgom (7/10)
  • Raiders of the North Sea (3/10)
  • Magic Maze (3/10) - Provavelmente será alterado por outro
  • Euphoria (1/10)
  • Lord of the Ring: Journeys in Middle Earth (10/10)

5x5:

  • Batman GCC (3/5)
  • Gallerist (0x5)
  • CO2 2nd Chance (2/5)
  • StarWars Imperial Assault (0/5)
  • Descent Journeys in the Dark (0/5)

Interessante, muito interessante.

A ver se para o ano faço o mesmo. É um bom tópico para fazer aqui na altura da passagem de ano.. a ver se não nos esquecemos.

Sim parece-me que seria algo

Sim parece-me que seria algo porreiro de se fazer.

Umas partidas

para relaxar, joguei um La Granja No Siesta a tarde mas não tirei foto, agora a noite joguei um SOS Titanic e Deep Space D6.

O SOS Titanic acabou em derrota com 48 pontos, e o Deep Space acabou em vitória em modo difícil com a nave Halcyon

Comecei a jogar o Euphoria

Comecei a jogar o Euphoria com a expansão e o respectivo modo solo. Adoro o jogo embora custe um bocado a entrar nas regras pois não estão assim tão bem escritas (principalmente da expansão). Este é um que irei jogar várias vezes nas próximas semanas para ir de encontro ao objectivo de 10x10.. Dos meus jogos favoritos :)

Só para saberem.. perdi pois o Automata preto colocou as 10 estrelas primeiro, ficaram-me a faltar 2.

Este

é um daqueles que ainda quero jogar antes de fazer o top 20, tem de ser brevemente. Gosto muito deste tipo de automa, tal como no gaia project.

Viticulture


Já tinha experimentado a versão solo do Viticulture há uns dois anos atrás. Na altura ainda não apreciava muito as versões solo dos jogos e não me despertou muito a atenção. Hoje decidi dar-lhe uma nova oportunidade e posso dizer que gostei.O Automa é fácil de manter o que torna o jogo bastante fluído. 
Joguei duas vezes, ambas no modo normal. Na primeira tive uns míseros 12 pontos e na segunda dobrei para uns magníficos 24 pontos. A discrepância parece-me mais provocada com azares nas cartas (tanto no automa como nas do próprio jogo) do que propriamente azelhice minha.

Azares

Ontem voltei a dar uma oportunidade ao Viticulture e apesar de ir lançado para uma vitoria, fraquinha, mas uma vitória, tive o azar do automa ocupar todas as 2 opções de jogada que necessitava.. :/

Resultado, mais uma derrota :)

Viticulture Essential Edition by Luis Baixinho, on Flickr

Campanha

Comecei a fazer a campanha proposta no livro de regras e vou colocar aqui as fotos do aspecto final de cada partida.

Viticulture Essential Edition by Luis Baixinho, on Flickr

Primeiro desafio.

Começar apenas com o trabalhador grande não é lá muito animador. Tive alguma sorte nos visitantes que apareceram que até conseguir chegar ao fim com todos os trabalhadores e fazer 23vp de forma algo confortável.

Viticulture Essential Edition by Luis Baixinho, on Flickr

Segundo desafio.

Apesar de ser algo complexo apenas ter três trabalhadores disponíveis, consegui ultrapassar o desafio. No sexto ano já sabia que conseguia cumprir o objectivo no ano seguinte (que era o final). Fiz 24vp mas tive alguma sorte que o automa fartou-se de ocupar o espaço de treino de novos travalhadores, algo que de qualquer forma não podia utilizar neste desafio.

Viticulture Essential Edition by Luis Baixinho, on Flickr

Terceiro desafio.

Consegui ter os 6 trabalhadores no final do terceiro ano, mas não consegui chegar aos 20vp no final dos sete anos (fiz apenas 18). Julgo que são necessárias cumprir os dois objectivos para ultrapassar este desafio,

Mansions of Madness

Mansions of Madness é o meu jogo favorito e nada melhor do que o jogar nesta altura do ano, parece que sabe melhor ainda :)
Ainda não joguei todas as historias mas estou a tratar disso.

Tempo

Mais ou menos quanto tempo demoras a pintar uma figuras dessas?

Depende do mini e se consigo

Depende do mini e se consigo fazer uns quantos de seguida para aproveitar a cor mas ai umas 5h os minis grandes com a base.

Paciência

Gabo-te a paciência.

O efeito final é espectacular!

lbaixinho escreveu: Gabo-te

lbaixinho escreveu:

Gabo-te a paciência.
O efeito final é espectacular!

Eu gabo a paciência de quem consegue jogar a Solo... já tentei algumas vezes e não é fácil. indecision

Já pintar miniaturas é outra coisa cool . Aí 5 horas passam num ápice. O difícil é arranjar múltiplos de 5 horas para pintar mais miniaturas.

Jogar a solo

Acho que tem que ver com a forma com que se encara o jogar a solo. Pessoalmente substituiu o jogar no computador. Sim, eu sei que os jogos no computador são mais completos, complexos e fáceis de "fazer contas", mas tem que ver com o ritual de fazer o setup, movimentar as peças e depois arrumar tudo. Além de ser mais um tempinho que não estou à frente de um black mirror, tem aquela mística similar do ouvir música num álbum de vinil e não através das colunas do pc.

Além de que é mais próximo do acto de "brincar", algo que pessoalmente me agrada :)

Sim consegues ir passando de

Sim consegues ir passando de mini para mini e otimizar o tempo enquanto os outros secam. 5h não é tudo de seguida.

Em relação a jogar a Solo concordo totalmente que acabou por substituir totalmente o video jogos para mim também. Convém é ter algo que tenha pouco setup para quando quiseres algo rápido e algo com um maior setup e normalmente mais conteudo.

Obrigado :) Gosto de o fazer

Obrigado :) Gosto de o fazer e é tipo um momento zen que tenho enquanto estou a ouvir musica ou um podcast.

Recentemente comecei a pintar os minis à malta pelo se quiseres ver mais alguns podes ver aqui:

http://www.abreojogo.com/forum/classificados/2019/09/pinto_miniaturas_por_comiss%C3%A3o

Já tinha visto o teu tópico e

Já tinha visto o teu tópico e penso que tens trabalhos fantásticos.

Só não te envio umas minis para pintares porque pessoalmente não é algo que me atraia na altura de jogar. Por exemplo, quando jogo The 7th Continent, faço-o sempre com os tokens de papelão :)

Compreendo perfeitamente a onda zen na altura de estares concentrado a pintar. Faço algo similar quando estou a  construir com peças LEGO (algumas das minhas construções aqui), mas ultimamente tenho construído pouca coisa original (a minha última construção foi a livraria Lello, foto e foto) já que neste momento estou a viver numa casa emprestada e não tenho espaço para uma oficina (foto da minha antiga).

lbaixinho escreveu: Já tinha

lbaixinho escreveu:

Já tinha visto o teu tópico e penso que tens trabalhos fantásticos.
Só não te envio umas minis para pintares porque pessoalmente não é algo que me atraia na altura de jogar. Por exemplo, quando jogo The 7th Continent, faço-o sempre com os tokens de papelão :)

Compreendo perfeitamente a onda zen na altura de estares concentrado a pintar. Faço algo similar quando estou a  construir com peças LEGO (algumas das minhas construções aqui), mas ultimamente tenho construído pouca coisa original (a minha última construção foi a livraria Lello, foto e foto) já que neste momento estou a viver numa casa emprestada e não tenho espaço para uma oficina (foto da minha antiga).

Experimenta fazer a livraria Lello em legos todos cinzentos... cheeky

E, talvez no 7thC ter uma miniatura pintada ou apenas um token seja quase o mesmo (aí estou de acordo), mas em jogos com mais plástico, as figuras terem alguma cor/contraste faz toda a diferença.

É diferente :)

É diferente. Por acaso ao construir numa só cor a maior parte do gozo está lá, poderia era haver dificuldades em ter todas as peças nessa cor.

Mas se dizes para utilizar só um tipo de peça aí é que a conversa seria diferente :)

Mas acho que tem mesmo que a ver com a forma como as pessoas se envolvem nos jogos. Por exemplo, no Xia quando compro uma nave nova, fico com a respectiva carta e playmate mas estou sempre a esquecer-me de colocar a nova miniatura no jogo.

Isso fez lembrar-me que tenho que voltar a jogar o Mechs vs Minions. Penso que é o jogo que tenho mais dado a miniaturas e já não o jogo há quase dois anos :/

Em jogos tipo Warhammer 40k

Em jogos tipo Warhammer 40k (e outros ditos "jogos de miniaturas"), as figuras e o detalhe de como estão pintadas é essencial para podermos distinguir as suas características (armas, acessórios, etc.).

Ter as figuras pintadas ou não é comparável a ter um tabuleiro a cores ou a preto e branco, ou mesmo só com uns números e uns quadrados marcados para colocar os tokens...

Tenho um ou dois exemplos para trazer à conversa, mas isto já merecia um tópico dedicado ;-)

Compreendo

Compreendo.

Joguei uma vez o Lord of Helas e apesar dos exércitos serem coloridos (cada um com a sua cor), senti que a distinção dos heróis já poderia ser melhor se tivessem sido pintados. Aquelas bases coloridas são uma seca :)

UAU!!! Brutal os Legos.

UAU!!! Brutal os Legos. Grande oficina que tinhas realmente.

Em relação às pinturas eu gosto muito de jogos de tabuleiro com minis (não sou muito de jogos de miniaturas), e apenas jogo o primeiro (talvez segundo) jogo para ver se gosto mesmo do jogo ou se é para ir embora. Se ficar tem que ser pintado, mas como qualquer outra pessoa que pinta minis tenho MUITA coisa por pintar :)

Agora que falaste no Mechs vs Minions, eu comecei a pintar o minions mas aborrece um bocado pois é sempre igual. :p

Balrogas escreveu: Agora que

Balrogas escreveu:

Agora que falaste no Mechs vs Minions, eu comecei a pintar o minions mas aborrece um bocado pois é sempre igual. :p

fighting ??? surprise Aquilo são 100 minions! E são todos iguais... aí gabo-te a paciência yes , até porque já vêm com um wash que fica bem no tabuleiro, essencialmente quando se amontoam às dezenas no mesmo espaço.

Acredita, já me arrependi

Acredita, já me arrependi algumas vezes em ter começado mas devagar se vai ao longe e pelo meio vou fazendo alguns :)

100 Minions

Quanto tiveres os 100 minios pintados tira uma foto, vai ser epíco!

Já agora, não eram três ou quatros minions diferentes?

Sim eles são 3 modelos

Sim eles são 3 modelos diferentes mas a nivel de cor estou a fazer todos iguais.

Outro que ando de olho à já muito tempo é o War of the Ring. Esse sim vai ser épico :)

Bem... lá me esforcei e fiz

Bem... lá me esforcei e fiz uma partida de Terraforming Mars em modo Solo versão primeiro jogo...

Comecei com uma corporação base e com 1 de produção em cada recurso (sei que no modo Solo nãop é assim, mas foi para jogar como se fosse a primeira vez, pois a única outra vez que tinha jogado já tinha sidohá 2 anos)

Consegui terraformar no turno 13, e no final acabei com 85 pts.

eheh, e não custou :)

Acabaste produzindo imensos recursos, se tivesses retido as coisas mais um turno, provavelmente terias chegado aos 100.

Agora é fazer o modo campanha :D

lbaixinho escreveu: Acabaste

lbaixinho escreveu:

Acabaste produzindo imensos recursos, se tivesses retido as coisas mais um turno, provavelmente terias chegado aos 100.

O que queres dizer com reter as coisas mais um turno? A produção estava lá.
Como poderia ter gerado mais pontos?

lbaixinho escreveu:

Agora é fazer o modo campanha :D

Hum! Modo Campanha ? O que é isso? ... vou googlar ...

Campanha meia oficial

https://boardgamegeek.com/article/23756879#23756879
Como saiu de um dos manos, pode dizer-se que é meio oficial :)

Como tinhas até o 14º turno, poderias não fazer um dos parámetros (por exemplo não colocar o último oceano) para tentares fazer mais pontos com, por exemplo, as novas cartas.

lbaixinho escreveu:

lbaixinho escreveu:

https://boardgamegeek.com/article/23756879#23756879
Como saiu de um dos manos, pode dizer-se que é meio oficial :).

yes tenho que experimentar. Só li por alto, (nao sei se está incluído) mas era interessante, além das corporações também as tecnologias que se compram/constroem saírem de jogo (de algum modo...)

lbaixinho escreveu:

Como tinhas até o 14º turno, poderias não fazer um dos parámetros (por exemplo não colocar o último oceano) para tentares fazer mais pontos com, por exemplo, as novas cartas.

Eu terraformei no 13º, mas ainda joguei o 14º (quando li as regras entendi que era assim), contudo, as cartas que sairam deram uns pontitos, mas acho que nada demais.

Estou na ideia

Estou na ideia que acabas mesmo o jogo se cumprires os três critérios. Só lendo novamente as regras.

De qualquer forma com uma das expansões saiu uma nova variante do solo. Tenho que a ler novamente porque como nunca mais joguei, não me lembro como era.

Interessante as cartas de projeto também sairem de jogo. Obrigaria a estratégias diferentes. Não sei é se iria tornar o jogo demasiado difícil nas últimas corporações.

Mechs vs Minions

Ontem lá consegui por o Mechs vs Minions na mesa.. algo que já não fazia desde o Natal de 2017.

Se na altura tinha ficado parvo com a produção do jogo, agora ainda fico mais porque consigo comparar com muitos mais jogos.

Estou a jogar a solo mas com dois mechs. Fiz o tutorial e a primeira missão algo facilmente e fiquei com vontade de seguir em frente.

Quando joguei pela primeira vezs fi-lo com a minha filha e chegamos à quarta missão. Agora como ela está na adolêscencia não tem tempo para estas brincadeiras de crianças...

Agora vou atualizar a minha votação :D

Gostei

muito de jogar a campanha solo com 2 mechs, tenho de voltar a jogar em breve

Também gosto

Também estou a gostar bastante, mais do que esperava.

E já estou entalado na segunda missão. Tentei três vezes e ainda não consegui. Provavelmente vou experimentar com 3 mechs :)

Eu apenas joguei o jogo

Eu apenas joguei o jogo (poucas vezes infelizmente) com 4 pessoas mas sei de um casal amigo que jogou apenas com 2 mechs e teve muitas dificuldades tendo que jogar com 3 ou 4 mechs (já não me lembro bem quantos foram).

Por isso sim o melhor será jogares com 3 Mechs. Depois diz como correu.

Tenho que jogar esse também em breve. Ando com vontade de o jogar mas queria que fosse com outra malta, não sabia que era divertido a solo :)

Li que era possível com 2

Li que era possível com apenas 2 mechs, mas realmente esta missão 2 dá trabalho. Já percebi o que tenho que fazer e como, mas mesmo com 3 tentativas não o consegui fazer.

Também lembrei-me que quando passei esta missão com a minha filha, também não estávamos a conseguir e só o fizemos quando, para esta missão em específico, jogamos com uma terceira pessoa.

Vai ser giro estar a controlar 3 mechs ao mesmo tempo :D

Também é divertido a solo, mas à semelhança de outros jogos, prefiro jogar em multi. No entanto este como é cooperativo não sinto que a versão solo seja uma adaptação (pobre ou não) ao jogo original.

Pelo

que li, eu pessoalmente ainda só joguei a solo com 2 mechs ou com 2 jogadores, mais mechs, maior dificuldade. Não consegues fazer o upgrade tão rápido dos mechs e tens menos controlo em mais mechs, porque o número de cartas que entram em cada ronda são as mesmas. Eu na 1ªvez que joguei a campanha, apenas perdi na missão 1 , ainda estava a aprender, e na missão 3, depois venci sempre. Mas lembro-me que várias vezes venci a rasquinha.

Missão 2

A questão da missão dois é mesmo as três frentes. Penso ser mais fácil ter os três mechs, cada um a defender a sua do que dois mechs a defender 3. É que por cima a uma dada altura algum terá que ir buscar os cristais ficando apenas um na defesa.

Sim,

é possível que seja mais fácil, as duas vezes que joguei a missão 2 consegui vencer, mas lembro-me de ter um pouco de sorte de o Spawn não ser muito variado, estavam sempre a vir dos mesmos lados

Consegui!!

Pronto, ontem numa sessão de quase hora e meia e com 3 mechs lá consegui fazer a segunda missão. No início só escolhia cartas de rodar e disparar, quando comecei a ficar com as coisas controladas é que avancei apenas com um dos mechs. Fiquei com tudo mais ou menos controlado até ao fim.

Agora a ver se amanhã tenho tempo de avançar com a terceira missão :D

Alguns dos que tenho jogado ultimamente

Retorno a um excelente deck builder que já não jogava à imenso tempo

E três aquisições recentes:

Tudo jogos relativamente

Tudo jogos relativamente pequenos e rápidos, certo?

Sim

nenhum deles demora mais de 20 minutos a jogar

Algumas das partidas de hoje

fresquinho e acabado de chegar a coleção, joguei hoje duas partidas, ambas vitórias India 120 pontos e França 121 pontos

um jogo que gosto bastante de colocar na mesa de vez em quando, variante solo carcassonne

e ainda joguei um Hit Z Road, mas já tinha colocado foto anteriormente.

Variante Carcassonne

Que variante utilizas para jogar a solo o Carcassonne?

Não, não pesquisei por isso nem sei quantas há :)

A que

Eu gosto mais é a carcisland, grelha 7x7.

Tapestry

Primeira vez que joguei Tapestry, deu 152 pts

Foi mais para aprender as regras... estava a gostar de construir a capital e deixei passar alguns pontos também importantes como a ciência e a produção, que ao longo prazo dão mais rendimento...

É um jogo (dizem...) de civilização, temos duas opções de acção no nosso turno: Fazer Render/"Income"(*) ou Fazer Avanço Tecnológico a nossa civilização:

  • Avançar Tecnologia: existem 4 barras de progresso (Ciência, Exploração, Militar, Tecnologia) e na nossa vez escolhemos em avançar numa dessas barras, pagando o custo e ganhando o benefício
  • Income: basicamente ganhamos recursos, pontos, cartas, etc.. daquilo que já construímos; neste caso a nossa civilização também passa para a Era seguinte, isto é: jogamos uma carta que dá beneficios instantáneos ou até o jogador passar para uma nova Era (no próximo turno de Income)

As casinhas da imagem são (as mais pequenas) as construções que vão aumentando a nossa Renda, e (as maiores) são "pontos de referência" (landmarks) que se ganham atingindo alguns objectivos. Cada jogador tem um mapa de Capital, que ao preencher quadrados 3x3 (distritos) ou completar linhas vai ganhando mais bónus (recursos ou VPs).

Além disto cada jogador começa com uma Civilização, basicamente características individuais

A solo não muito aquela ideia de um jogo de civilização, pois vemos as coisas a evoluir só do nosso lado, com mais jogadores (espero) poderemos ver os outros a também construir coisas e assim ser mais interessante. Ainda assim pareceu-me uma boa experiência... para quem não costuma jogar a solo ;-)

(*) é por estas e por outras que eu abuso dos estrangeirismos ;-)

Curioso

Este é um jogo que definitivamente quero experimentar tanto em multiplayer como a solo. Estive mesmo para ceder à tentação de o comprar na altura da pre-order, mas o hype todo à volta do jogo fez-me recuar :D

Curioso

Este é um jogo que definitivamente quero experimentar tanto em multiplayer como a solo. Estive mesmo para ceder à tentação de o comprar na altura da pre-order, mas o hype todo à volta do jogo fez-me recuar :D

lbaixinho escreveu: Este é

lbaixinho escreveu:

Este é um jogo que definitivamente quero experimentar tanto em multiplayer como a solo. Estive mesmo para ceder à tentação de o comprar na altura da pre-order, mas o hype todo à volta do jogo fez-me recuar :D

Eu cedi ao hype... E não me arrependo (ainda)!

À primeira vista parece que o jogador tem poucas opções, mas é no planeamento e sequência das ações que está o segredo! ;-)

Definitivamente

Definitivamente quero experimentar aí num dos encontros. O desta não já que vamos outra vez para uma sessão épica de Xia :D

Joguei Tiny Epic Zombies. A

Joguei Tiny Epic Zombies.

A partida ainda durou uma hora. Correu bem, mas às vezes fica confuso a questão do movimentos das personagens.

Ps.: Gostava de colocar foto, mas não sei como isso se faz. Os fóruns são sitios específicos de navegar.

rebelo escreveu: Ps.:

rebelo escreveu:

Ps.: Gostava de colocar foto, mas não sei como isso se faz. Os fóruns são sitios específicos de navegar.

Fica aqui o link para um mini tutorial:

http://www.abreojogo.com/forum/discuss%C3%A3o_sobre_site/2019/03/dica_inserir_imagens_aqui_no_f%C3%B3rum

fazer upload

Obrigado. Mas queria por mesmo uma foto minha. ou seja colocar em linha apartir do meu PC. e mesmo usando o Link aqui em baixo que diz "adicionar fotografia" quando a escolho ela nunca faz upload.

Não sei se existe outra

Não sei se existe outra maneira mas eu sempre tive que fazer upload da foto num outro site qualquer (uso normalmente a minha galeria do BGG) e depois tiro o URL e adiciono aqui por URL.

rebelo escreveu: Obrigado.

rebelo escreveu:

Obrigado. Mas queria por mesmo uma foto minha. ou seja colocar em linha apartir do meu PC. e mesmo usando o Link aqui em baixo que diz "adicionar fotografia" quando a escolho ela nunca faz upload.

Podes fazer upload na mesma para o BGG:

- Se fizeres upload para a galeria de um jogo, pode demorar uns dias até estar disponível (por causa das aprovações)

- mas podes sempre fazer upload para a tua galeria pessoal, aí fica disponível imediatamente.

Concurso200k

Aproveitando a onda do concurso200k no facebook, ontem e hoje fiz vários solos. Ficam aqui três fotos:

Terraforming Mars by Luis Baixinho, on Flickr

Ganz Schön Clever by Luis Baixinho, on Flickr

Clank! A Deck Building Game by Luis Baixinho, on Flickr

E deve ser do tempo porque perdi no Terraforming Mars e no Clank! e fiz uma pontuação miserável (256) no Clever.

Spirit Island

Spirit Island by Luis Baixinho, on Flickr

Spirit Island by Luis Baixinho, on Flickr

Com a desculpa do concurso200k revisitei o Spirit Island para um jogo a solo. Mais uma vez fiquei encantado com este jogo que tematicamente até nem me puxa muito. A forma como as coisas escalam e onde sentimos que o equilíbrio está sempre lá fazem-me adorar o jogo. É sempre um tempo (1h30m a 2h) de puro deleite.

ps. apesar daquele mau aspecto da última foto, ganhei!! :)

Mais dois!

Cartographers: A Roll Player Tale by Luis Baixinho, on Flickr

Experimentei o jogo em multiplayer no mês passado e fiquei relativamente agradado. Um roll&write (?) que tinha alguma interacção e que até tem um tema interessante. Fiquei curioso com a versão a solo, pedi-o emprestado e andei a experimentar. Depois de 3 jogatanas penso que é um jogo bem agradável para jogar sozinho e relativamente equilibrado.

Tiny Towns by Luis Baixinho, on Flickr

Experimentei ontem em multiplayer em duas jogatanas e achei-o bastante interessante. Pedi-o emprestado para o experimentar em solo e hoje já o joguei duas vezes (é o que dá ter uns dias de férias nesta altura do ano). Na leitura das regras reparei que ontem joguei com algumas coisas trocadas, o que dificultou um pouco o jogo, nada de mais. Hoje ao jogar fiquei com a sensação que há mesmo alguns edifícios que a sua utilidade (para os pontos finais) é questionável. Parecem-me bem mais fracos que os restantes.

A ver se jogo mais, experimentando outras estratégias para ver se consigo utiizar alguns edifícios que não me parecem tão bons.