O que eu fiz pelo meu hobby esta semana

Retrato de Tiago

Sei que não sou uma das pessoas mais dinâmicas quando se trata de espalhar o hobby. Eu como muitos outros quer seja por preguiça ou simplesmente por esquecimento inocente não nos esforçamos para fazer crescer este hobby.

Muitos nem querem que este hobby cresça, gostam do hobby como está e é uma opinião perfeitamente válida, contudo para motivar aqueles que doutra maneira talvez não se esforçassem tanto proponho o nascimento duma rubrica semanal:

"O que eu fiz pelo meu hobby esta semana"

Basicamente haverá uma nova edição desta rubrica todas as segundas, o objectivo será com que todos contem as suas histórias sobre como ajudaram a espalhar o hobby.

Proponho no entanto algumas regras (que poderão ser revistas em cada edição conforme o as vossas opiniões):

- a vossa acção não tem de ser algo em grande, pode ser um gesto muito pequeno mas que ajude a tornar o hobby mais conhecido (ex: falar do hobby a outras pessoas)
- Jogar um jogo com pessoas que já jogam algo mais que monopólio ou trivial pursuit com alguma regularidade não conta
- acções ilegais não contam nem são encorajadas (ex: um graffiti em propriedade alheia a dizer: "Jogos de tabuleiro são fixes")
- mesmo que alguém tenha feito uma acção similar à vossa não deixam de a partilhar, o que conta é o esforço de cada um e não a originalidade da acção

Começo desde já com o meu exemplo:

"Esta semana joguei Mr. Jack no jardim da Gulbenkian."

Reparem, que não foi nada demais, mas mostrei o meu hobby em público. Nenhuma das pessoas que passou por mim se mostrou interessada ao ponto de me perguntar o que estava eu a fazer, mas isso não interessa, o que interessa é que algumas pessoas viram o que estava a fazer, já diz o velho ditado "água mole em pedra dura tanto dá até que fura".

Edit: Esta thread fica então para discussão da rubrica em si, para cada semana seguir o link:

Semana de 15/09/08 a 21/09/08

Semana de 22/09/08 a 28/09/08

Opções de visualização dos comentários

Seleccione a sua forma preferida de visualização de comentários e clique "Gravar configuração" para activar as suas alterações.

Muito bom!

Excelente iniciativa! Por mais pouco que algo pareça ser há sempre repercussões.

Como economista eu sei que a estagnação é o equivalente à morte, pois se algo não cresce vai diminuir com o tempo. O número de jogadores é limitado e com o tempo vai diminuindo, logo é essencial que o hobby cresça. Mais jogadores novos implica mais lucros neste negócio, o que implica mais lojas a comprarem boardgames e RPGs, o que implica maior concorrência e logo preços mais baixos. Sem falar na vantagem mais óbvia, uma facilidade maior de encontrar jogadores para jogar algo.

O nosso hobby só irá prosperar se crescer, e esta iniciativa é excelente para motivar a malta a fazer algo todas as semanas, e esse algo pode ser algo tão mínimo como jogar num espaço público.

Podes começar uma thread nova se quiseres e deixarmos esta para discussão desta iniciativa. Podemos avançar lentamente e aos poucos, mas o importante é que avancemos.

----
A slumber did my spirit seal;
I had no human fears,
She seemed a thing that could not feel
The touch of earthly years.

---- Behold the pain and sorrow of the world, Dream of a place away from this nightmare. Give us love and unity, under the heart of night. O Death, come near us, and give us life!

Segui o teu conselho. Isto

Segui o teu conselho. Isto foi assim um pouco em cima do joelho, mas a intenção é boa :p

Acho que o que mais me motiva não é a prosperidade do negócio em si mas sim a existência de mais jogadores com quem possa jogar.

 

Φ

www.breakingthemagic.com - comic/blog sobre jogos de tabuleiro.

Procurando o bitaite perfeito...

--

bons negócios

Tiago escreveu:
Acho que o que mais me motiva não é a prosperidade do negócio em si mas sim a existência de mais jogadores com quem possa jogar.

As duas coisas estão relacionadas, pois tomar conhecimento do hobby é apenas o primeiro passo. A nível do entretenimento - o que as pessoas, nos dias de hoje, fazem para se divertir - a diversidade é enorme e imensas coisas competem pela nossa atenção. Sem um negócio por trás que organize eventos, promova marcas, faça publicidade, procure clientes, influencie os media, etc, etc, etc. o hobby terá sempre pouca projecção.

Eu acho muito bem que haja negócio e espero que se desenvolva. Mais depressa apoiava uma empresa do que uma associação.

Não vou debater esse ponto,

Não vou debater esse ponto, porque está completamente correcto, apenas quis salientar que a minha motivação principal é a existência de mais pessoas com quem possa jogar e discutir o hobby, a prosperidade do negócio é um factor relacionado mas que no meu interesse é "secundário" ;)

 

Φ

www.breakingthemagic.com - comic/blog sobre jogos de tabuleiro.

Procurando o bitaite perfeito...

--

Antena3

A ver se Ana Galvão fala mesmo do Encontro... pelo menos ela disse-me que sim ;)

Daqui a pouco na Antena3 (11:15)

Herrar é umano.

Estou a ouvir, não sei se

Estou a ouvir, não sei se já falou nisso.

 

Φ

www.breakingthemagic.com - comic/blog sobre jogos de tabuleiro.

Procurando o bitaite perfeito...

--

Pontual

Foi mesmo às 11:15

Herrar é umano.

Pois... já só apanhei a

Pois... já só apanhei a rubrica do sexo, não se perdeu tudo :p

 

Φ

www.breakingthemagic.com - comic/blog sobre jogos de tabuleiro.

Procurando o bitaite perfeito...

--

Não disse nada, mas é

Não disse nada, mas é óbvio que esta rubrica acabou por parca participação, pelos vistos ser semanal é um pouco demais, até pensar num timeframe mais agradável para esta rubrica fica então suspensa.

--

Se calhar mensal?

Eu por exemplo aprendi a jogar Catan com um pai e filho holandeses e mostrei uma conjunto de jogos que eles desconheciam e que pôs o miúdo de 10 anos a estremecer de entusiasmo. Hão-de voltar a jogar comigo e jogarão alguns desses jogos e pelo gosto e jeito que o miúdo tinha a jogar e a ensinar Catan provavelmente tornar-se-á um gamer.

Mas isto foi o Domingo passado e como não havia este post criado ainda não tinha falado disso. Se fizeres a coisa mensalmente, em que o pessoal vai postando com o passar dos dias tens menos trabalho de criar posts e pode-se ir constatando o que se faz e dar pica para fazer mais! Que achas?

"Se alguma vez sou coerente, é apenas como incoerência saída da incoerência." Fernando Pessoa

sopadorpg.wordpress.com - Um roleplayer entre Setúbal e Almeirim
Ludonautas Podcast - Viajando, sem nos movermos, pelos mundos do RPG

pois

Pois, essa foi a opção que pensei logo, ou a vertente mensal ou mesmo um post único que iria acumulando (mas penso que isso ia ser muito confuso).

--

Mensal

Julgo que mensal seria mais eficiente, mas tambem me parece bem ir acumulando até se criar um novo topico.

 

Nesta quarta feira passada, estive a fazer demonstração de boardgames na semana da estrategia do Gest-IST, com a ajuda de outros boardgamers de lisboa. Jogou-se Ingenious, La Strada, Werewolf, Kreta e Throught the Desert. O Ingenious e o Werewolf foram os que fizeram mais sucesso...

E que tal?

Como correu essa experiência, Vasco?

Já agora, já alguém pensou em ir ao Festival de BD da Amadora mostrar uns jogos?

"Se alguma vez sou coerente, é apenas como incoerência saída da incoerência." Fernando Pessoa

sopadorpg.wordpress.com - Um roleplayer entre Setúbal e Almeirim
Ludonautas Podcast - Viajando, sem nos movermos, pelos mundos do RPG

BGs e RPGs

Hoje vou a um torneio de Magic e levo uns quantos Boardgames como o Ingenious e o Diamant, além do Aces&Eights já que grande parte do meu grupo de RPG vai estar lá. Com sorte isto irá atrair as atenções.

----
A slumber did my spirit seal;
I had no human fears,
She seemed a thing that could not feel
The touch of earthly years.

---- Behold the pain and sorrow of the world, Dream of a place away from this nightmare. Give us love and unity, under the heart of night. O Death, come near us, and give us life!

jrmariano escreveu: Como

jrmariano escreveu:
Como correu essa experiência, Vasco?

 

Não correu mal. Houve alguns curiosos, e talvez tenha arranjado duas pessoas que podem vir-se a tornar habitues. Mas faz-me confusão, quando as pessoas preferem ficar a ver (apesar da insistencia) em vez de jogar. Percebia se tivessem jogado e não tivessem gostado. Agora preferir ver de braços cruzados em vez de participar na acção não consigo  mesmo perceber. Treinadores de bancada ou resistencia à mudança?

 

jrmariano escreveu:
Já agora, já alguém pensou em ir ao Festival de BD da Amadora mostrar uns jogos?

Sou capaz de aparecer lá uma tarde, mas não sei se vou ter tempo para demonstrações...

Ver

vch escreveu:
jrmariano escreveu:
Como correu essa experiência, Vasco?

 

Não correu mal. Houve alguns curiosos, e talvez tenha arranjado duas pessoas que podem vir-se a tornar habitues. Mas faz-me confusão, quando as pessoas preferem ficar a ver (apesar da insistencia) em vez de jogar. Percebia se tivessem jogado e não tivessem gostado. Agora preferir ver de braços cruzados em vez de participar na acção não consigo  mesmo perceber. Treinadores de bancada ou resistencia à mudança?

Eu por acaso também gosto muito só de ver, mas quando vejo eu tomo notas mentais das estratégias e de como o jogo é, e muito provavelmente já o joguei.

Mesmo assim não vale a pena insistir muito a quem fica a ver pois enquanto vêm estão interessados no jogo mas se o mas se insistirmos muito eles ainda podem é ir-se embora chateados.

----
A slumber did my spirit seal;
I had no human fears,
She seemed a thing that could not feel
The touch of earthly years.

---- Behold the pain and sorrow of the world, Dream of a place away from this nightmare. Give us love and unity, under the heart of night. O Death, come near us, and give us life!

...

Olá .. .

Eu sou novo por aqui .

E ainda não compreendi completamente, alguem poderia me prestar uma pequena ajuda ?

Claro...

Quais as dúvidas que tens?

_____________________

"No caminho para o verdadeiro conhecimento, as coisas óbvias são os obstáculos."

Acho que isso se explica

Acho que isso se explica facilmente. As vezes até podem ter vontade de jogar, mas fica aquele receio de: será que consigo? Parecendo que não, quando se fala em jogos, as pessoas pensam logo em ganhar e perder (ou mesmo que não se ganhe, pelo menos fazer boa figura, e ficar num lugar razoável). E pronto, para quem nunca tenho jogado jogos, olhar assim para eles faz parece-los mais complexos do que são. Então a pessoa fica a ver, no genero: se conseguir perceber mais ou menos o que é preciso fazer, quem sabe depois experimente.

Com pessoas desconhecidas acho que isto ainda se nota mais, porque ficamos muito preocupamos com a imagem que passamos aos outros... e jogar mal, é muito visto como sinal de pouca inteligência=P

Ou isso ou pronto, não terem mesmo paciencia para se meter a jogar/pensar =P