Roleplaying Games - A Primer

Retrato de LadyEntropy

Por fim, lá me enchi de coragem, e procurei entre ficheiros cheios de pó e outras tralhas afim até encontrar a disquete (sim, este trabalho está guardado numa disquete, sabem, daquelas que só podiam levar 1.3 megas de informação) com o trabalho que apresentei ao meu professor de inglês da faculdade.

Era o Ano da Graça de 1997, eu jogava RPGs à menos de um ano... mas já sabia do que gostava - RPGS. E muito. Para além do trabalho escrito, havia uma apresentação oral. Fiz a minha tendo projetado a meu lado um dragão do tamanho da parede (graças a um retroprojector)-- acho que assustei metade da turma, mas foi divertido.

O trabalho tende muito usar o sistema de Storyteller como exemplo, pois, como já disse, jogava à menos de um ano -- e Vampire foi o jogo com que me estreei -- mas mesmo assim vou tentar manter o texto o mais próximo do original.

Afinal, recordar é viver...

 

AnexoTamanho
RPGprimer.jpg16.08 KB

Opções de visualização dos comentários

Seleccione a sua forma preferida de visualização de comentários e clique "Gravar configuração" para activar as suas alterações.

Re: Roleplaying Games - A Primer

Nice, não faço a mais pequena ideia do que trata a tua apresentação, mas será sem dúvida uma incrível viagem ao passado! Uma coisa destas em Portugal, em Português, mesmo em 1997, se não foi inédita deve ter sido quase. Isto vai ser um documento incrível para as gerações futuras, um marco na história do roleplay português, um monumento ao passado, uma cápsula do tempo precioso que sem dúvida merecerá a atenção dos grandes estudiosos nas décadas vindouros... bom, eu paro. Era só mesmo para dizer que quero muito ver isto.

 


"You can choose just who you are."

 

5*****Realmente, concordo

5*****

Realmente, concordo com o ric... em 97, deve ter sido algo mesmo inedito. Fico à espera do resto do "trabalho" ^_^; 

parabéns devidos

Já li este trabalho há uns tempos atrás, tenho a sorte de ter a versão em Word no computador, e só queria aproveitar para dizer que está excelente. Até já me passou pela cabeça uma reedição em português para o benefício dos nossos conterrãneos que desconhecem os méritos do nosso hobbie.

Edição Revista? Segunda Edição?

Parabéns Lady Entopy!

Belo trabalho! Por caso nunca pensaste em reescrever este documento em português e tendo em conta toda as experiências e conhecimentos que adquiristes ao longo de sete anos? E sem talvez te limitares a um paradigma de RPG, como o da White Wolf?

Podia ser uma boa primeira publicação pedagógica para este site.

"Se alguma vez sou coerente, é apenas como incoerência saída da incoerência." Fernando Pessoa

sopadorpg.wordpress.com - Um roleplayer entre Setúbal e Almeirim
Ludonautas Podcast - Viajando, sem nos movermos, pelos mundos do RPG

Estava a trocar ideias com o

Estava a trocar ideias com o Ricardo acerca de apesar do site tentar promover e divulgar o RPG não termos sequer um daqueles textos pedagógicos acerca deste. Agora que estava a rever os conteúdos que já poram postados até agora reli este comentário que te fiz. Por acaso não estás interessada em fazer um novo documento introdutório revisto, não? Algo mais pequeno e tão cativante como as tuas pequenas diatribes sasonais?

"Se alguma vez sou coerente, é apenas como incoerência saída da incoerência." Fernando Pessoa

sopadorpg.wordpress.com - Um roleplayer entre Setúbal e Almeirim
Ludonautas Podcast - Viajando, sem nos movermos, pelos mundos do RPG