Spiel des Jahres 2018

Retrato de tmgd

Foram anunciados os nomeados para a o prémio Spiel des Jahres 2018, o mais prestigiado prémio de língua alemã (e possivelmente do mundo) para jogos do tabuleiro.

Spiel des Jahres
Azul, by Michael Kiesling from Next Move Games
Luxor, by Rüdiger Dorn from Queen Games
The Mind, by Wolfgang Warsch from NSV

 

Kennerspiel des Jahres
Ganz schön clever, by Wolfgang Warsch from Schmidt Spiele
Heaven & Ale, by Michael Kiesling and Andreas Schmidt from eggertspiele
Die Quacksalber von Quedlinburg, by Wolfgang Warsch from Schmidt Spiele

 

Kinderspiel des Jahres
Emojito!, by Urtis Šulinskas from HUCH!
Funkelschatz, a.k.a. Dragon's Breath, by Lena and Günter Burkhardt from HABA
Panic Mansion, a.k.a. Shaky Manor, by Asger Harding Granerud and Daniel Skjold Pedersen from Blue Orange Games

 

Special Award

Pandemic Legacy: Season 2 from Matt Leacock, Rob Daviau, and Z-Man Games won a special award

 

 

O Spiel des Jahres é um prémio atribuído desde 1979 por um juri de críticos provenientes da Alemanha, Áustria e Suiça. A explosão no número de jogos tabuleiros publicados nos anos mais recentes levou à criação de duas categorias - o Kennerspiel des Jahres para jogos mais complexos e o Kinderspiel des Jahres para jogos para crianças - mantendo-se o Spiel des Jahres como o prémio para jogos para toda família.

Link para artigo AOJ sobre o Spiel des Jahres 2017.

Opções de visualização dos comentários

Seleccione a sua forma preferida de visualização de comentários e clique "Gravar configuração" para activar as suas alterações.

Really?!..

A sério que os Spiel des Jahres (e, já agora, os kennerspiel des jahres) são estes??!....

O Azul nem é mau e o The Mind é insólito e surpreendente mas...daí a serem nomeados para isto?!...

Começo seriamente a pensar que cheguei atrasado à idade de ouro dos Boardgames (2005/2015)!

E o que dizer do Ganz schön

E o que dizer do Ganz schön clever nomeado para jogo de quem já conhece os jogos!?!?

Já joguei várias vezes (fiz P&P), é engraçado, mas é um jogo de 6 dados e de 20 ou 30 minutos!?! Please.... zombie

 

Com tanto desgosto o que sugeriam?

Com tanto desgosto o que sugeriam?

Não estou a ser irónico ou sarcástico, só não ando na onda da frente das novidades, e por isso gostava de ouvir (ou ler) outras opiniões ;-)

(de todos os nomeados só conheço o Azul, que nem gosto muito de jogar mas compreendo a nomeação)

Abraço

Buuuu!!!

Escolhas muito fraquitas.

Azul, sensaborão.
The Mind, é uma atividade divertida para experimentar uma vez e não é sequer um jogo.
Luxor, não joguei, mas parece-se muito com o velhinho Cartagena.

Para o Kenner... Nenhum deles me despertou qualquer interesse depois de pesquisar.

As minhas escolhas?

Para famílias - Rajas of the Ganges, Ethnos, Viral e Dice Forge.

Para gamers- Gaia Project, Gloomhaven e Gentes.

Não joguei alguns que poderiam entrar aqui:
Anachrony; The Godfather: Corleone's Empire; The Expanse; Lisboa; Too Many Bones; Lords of Hellas, Pioneer Days, Calimala, Clans of Caledonia, etc... Sim ainda me falta jogar muitos

PedroV

Epá

Sem ofensa, mas acho que as críticas e sugestões alternativas que para aqui vão dão a entender que não conhecem ou não percebem bem os critérios deste prémio... Há certamente por aí muito jogo melhor que os 23 nomeados/recomendados, mas não estão sequer a concurso por causa das limitações à consideração para o prémio... 

Gostos discutem-se

Boas Richard

Não conheço os critérios, nem sequer quero conhecer.

Como disseram para se dar umas dicas para jogos mais recentes, tive a ousadia de dar os meus gostos de assumido amador.

Não pretendo tomar o lugar de nenhum juiz doutorado em jogologia. Já tenho profissão, este é apenas o meu hobby que uso para me descontrair e divertir.

Não fiquei ofendido, mas gostava de conhecer as tuas escolhas. É que dar opinião é lixado, não é?

Cumprimentos lúdicos!

PedroV

Opiniões

Olá Pedro

Não te estava a criticar a ti ou a ninguém em especial - estava apenas a chamar a atenção para o facto de o Spiel de Jahres ser um prémio com várias particularidades (entre as quais os jogos terem que estar disponíveis em alemão e à venda nesse mercado no mês das nomeações) que fazem com que certos títulos nem sejam postos a consideração. Dessa forma, não faz grande sentido (para mim) criticar por não nomear A ou B em vez de X ou Y. É como protestar por o Prémio Camões não premiar autores que não sejam de língua portuguesa.   

Quanto às minhas escolhas, sinceramente não tenho muito a dizer. Dos 23 jogos referidos só conheço o Azul e o Clank!, que aquando da sua saída me pareceram claros candidatos ao Spiel e Kennerspiel, respectivamente, independentemente de gostar mais ou menos deles. Noto talvez a falta de um Bärenpark, de um Decrypto ou mesmo de um Dragon Castle (que julgo cumprem todos os critérios), mas de resto não tenho nada a acrescentar.

Boas escolhas

Gostei bastante mais de qualquer uma das tuas propostas alternativas às do júri. Parecem de muito bom gosto, fiquei a querer experimentar.

Obrigado pela tua opinião

A verdade é que o Spiel tem nos mostrado belas jóias e este ano, que pobreza... Fui ver as nomeações para descobrir uma pérola e que desilusão!

Boas jogas e até à próxima!

PedroV

Obrigado pelas sugestões,

Obrigado pelas sugestões, parecem boas apostas!

Quanto à questão dos critérios das nomeações para o SdJ, no blog BoardGameGeek News foi abordado este mesmo assunto (até parece de propósito;-) ), e realmente as explicações fazem todo sentido:

https://www.boardgamegeek.com/blogpost/77062/spiel-des-jahres-2018-follow-why-some-games-werent