3º Encontro de Roleplayers de Lisboa

Retrato de jrmariano
2011-05-14 14:00
Local: 

Associação "Ilusão Paralela", Travessa do Pasteleiro (perpendicular à Rua da Esperança ) nº 22 (ao pé do Xafarix Bar)

No próximo dia 14 de Maio, o grupo de Roleplayers do Lisboa vai encontrar-se para jogar e conviver. Estes encontros são abertos a todos os que se queiram juntar, sem necessidade de trazer qualquer jogo ou de ter qualquer experiência prévia com RPGs. Não há inscrições nem é preciso pagar nada, basta aparecer. Esta é uma oportunidade para jogar RPGs, fazer novas amizades e passar um bom bocado. O encontro começa a partir das 14:00) durando a tarde toda e podendo eventualmente estender-se até à noite. Se entretanto quiseres saber mais sobre o que são os Roleplaying Games, visita esta secção do AbreoJogo. Se tiveres qualquer dúvida ou problema em chegar até ao local (mapa do Google), não hesites em perguntar aqui ou enviar mensagem pelo contactos João Mariano ou Diogo Curado. O espaço onde estes eventos se realizam é privado e cedido para o efeito, pelo que desde já aqui ficam os nossos agradecimentos.

Opções de visualização dos comentários

Seleccione a sua forma preferida de visualização de comentários e clique "Gravar configuração" para activar as suas alterações.

Só por a página mais visível

Sérgio

Lá está, não posso ir. Se

Lá está, não posso ir.

Se eu der a um de vocês um doc de jogo do rpg que estou a escrever (o down*town, noir futurista), alguém lhe pega e faz uma sessão de playtest?





A jogar: D&D 4th Dark Sun

A escrever: down*town, tech-noir rpg
Proto Agonístes um rpg de auto-descoberta, de um personagem e vários jogador

Talvez. O que é que estás

Talvez. O que é que estás disposto a fazer por isso? ;) :P

sopadorpg.wordpress.com - Um roleplayer entre Setúbal e Almeirim

Ludonautas Podcast - Viajando, sem nos

sopadorpg.wordpress.com - Um roleplayer entre Setúbal e Almeirim
Ludonautas Podcast - Viajando, sem nos movermos, pelos mundos do RPG

Hum...

...estou disposto a trabalhar afincadamente até ao fim no projecto?





A jogar: D&D 4th Dark Sun

A escrever: down*town, tech-noir rpg
Proto Agonístes um rpg de auto-descoberta, de um personagem e vários jogador

A pergunta anterior

A pergunta anterior queria-se temática tendo em conta o universo de jogo e parece que falhou. Mas mesmo assim...

Trata de compilar tudo o que escreveste, dar mais umas luzes do setting e criar algum material preparatório da sessão de jogo como situação inicial e talvez personagens pré-feitas e posta por aqui. Pode ser que suscite o interesse do pessoal e joguemos isso no próximo encontro. :)

sopadorpg.wordpress.com - Um roleplayer entre Setúbal e Almeirim

Ludonautas Podcast - Viajando, sem nos

sopadorpg.wordpress.com - Um roleplayer entre Setúbal e Almeirim
Ludonautas Podcast - Viajando, sem nos movermos, pelos mundos do RPG

Não percebi a pergunta,

Não percebi a pergunta, nesse caso. :-(





A jogar: D&D 4th Dark Sun

A escrever: down*town, tech-noir rpg
Proto Agonístes um rpg de auto-descoberta, de um personagem e vários jogador

Conta comigo e com o 3:16.

Conta comigo e com o 3:16. Quem estaria interessado?

Bem. Eu estava a pensar

Bem. Eu estava a pensar correr o sistema do Sérgio focado numa aventura medieval que vou correr na Festa Medieval da escola onde dou aulas.

Se não o conseguir correr junto-me a 3:16, claro! :)

sopadorpg.wordpress.com - Um roleplayer entre Setúbal e Almeirim

Ludonautas Podcast - Viajando, sem nos

sopadorpg.wordpress.com - Um roleplayer entre Setúbal e Almeirim
Ludonautas Podcast - Viajando, sem nos movermos, pelos mundos do RPG

Não mais voltámos a falar

Não mais voltámos a falar do assunto mas era fantástico correres o jogo. Eu não ando com tempo e quando o tiver é para ver se acabo o livro de regras do MdA. Só lá para o verão, infelizmente, por isso deixei cair a ideia de mestrar o jogo eu próprio.

Por outro lado, apetece-me por agora ser jogador mais do MJ. Tenho andado afastado destas lides por muito tempo e quero mesmo é ver como outro pessoal conduz os jogos de que gosta.

PS Tenho um cenário medieval fantástico que pode ser adaptado para histórico com componentes de história de suspense e com mais confronto do que o que te enviei antes. Pode funcionar como uma extensão daquele, se estiveres interessado em o ter em carteira.

Sérgio

Sim, sim. A minha ideia era

Sim, sim. A minha ideia era correr a história que esboçaste, com o sistema do MdA, em jeito de preparação da actividade na tal Festa Medieval Escolar. E seria excelente que te juntasses, claro. ;)

E sim, manda-me todo material que tiveres! Obrigado por todo o trabalho que já tiveste com este projecto.

sopadorpg.wordpress.com - Um roleplayer entre Setúbal e Almeirim

Ludonautas Podcast - Viajando, sem nos

sopadorpg.wordpress.com - Um roleplayer entre Setúbal e Almeirim
Ludonautas Podcast - Viajando, sem nos movermos, pelos mundos do RPG

Pumba mesmo em cheio!

Epá é que fica mesmo em cima do encontro de Boardgamers de Odivelas :(

Eu adorava que os Roleplayers se juntassem a nós por Odivelas....

Mas ficando nesta data não vou poder comparecer e lá vai ficar a Lady Blackbird sem guarda-costas! (Serve de oportunidade para o xôr capitão)

 

Gostava também de saber se podia participar numa sessão de 40k como guest ou assim? Ou o contacto da pessoa certa a perguntar?

Conflito de Interesses

Eu sei que é do interesse destes encontros ter sempre o maior número de pessoas possível e abrir o encontro a toda a gente sejam roleplayers, boardgamers ou alguém que nunca tenha ouvido falar do assunto. No entanto, cada vez que se tenta organizar um encontro de RPG em Lx aparecem sempre os boardgamers a dizer que não pdoem porque têm o encontro de boardgames X, Y e Z! Eu não vejo os encontros de Boardgamers preocupados com os encontros de RPG. Escreve-se mais acerca dos horários, dias e conflitos com datas de boardgames na marcação de encontros de RPG do acerca do próprio encontro e dos jogos em si!

Creio ter aqui uma posição muito solitária, mas no meu entender escolhe-se um dia específico (1º, 2º, 3º ou 4º Sábado do mês) de uma vez por todas e o encontro é sempre nesse dia e quem pode pode, quem não pode paciência, lamento muito mas não se pode agradar a Aqueus e Troianos! Se der para ir muita gente óptimo, se os boardgamers tiverem disponibilidade melhor ainda, mas agora a cada mês ser uma dor de cabeça as marcações não faz sentido e as pessoas que tomem opções sobre o que de facto preferem, na vida não se pode ter tudo.

Corrijam-me se estiver errado, mas no Encontro Mensal de Roleplayers do Porto a data foi estipulada como o 1º Sábado de cada mês e ponto final, exista encontro de boargamers ou não! Não vejo porque é que em Lisboa temos que andar a esse sabor e mudar tudo por causa disso! Até porque não vejo o contrário a acontecer.

 

Posto isto, a data parece-me óptima! Deve ser o único Sábado de Maio que estarei em Lisboa pelo que não poderia ser melhor! Vou principalmente para o convívio e experimentar os jogos disponíveis, mas como sempre disponibilizo-me para demonstrar Scion ou algum dos velhinhos de Old World of Darkness.

 

Abraço.

 

"The complete fool is half a prophet."

Sustentado

Concordo inteiramente. É bom verificar o sucesso que os jogos de tabuleiro estão a ter com cada vez mais encontros em mais sítios. Uma das consequências é que há hoje vários encontros na grande Lisboa a decorrerem em datas diferentes. Porém, se os encontros de rpg ficarem condicionados aos encontros de jdt, vão acabar por nunca ter data entre os encontros de jdt de Lisboa, Linha, Odivelas e os que vêm aí em Almada, Sintra, etc.

Quanto à associação de encontros de rpg com encontros de jdt acaba por funcionar em prejuízo dos rpg, daí a conveniência de encontros dedicados a estes.

Além de que desta forma temos o Mariano como anfitrião, um ponto a não negligenciar.

Sérgio

Pois... Até agora quando se

Pois... Até agora quando se fundem eventos de RPGs com Boardgames não conseguimos massa crítica para os RPGs devido à distração. :P

Quanto a anfitriões não podemos nos concentrar só numa ou noutra pessoa porque senão facilmente o fluxo se interrompe. Em princípio eu e o Diogo estamos presentes mas posso vos dizer que a Associação Ilusão Paralela é bastante hospitaleira e se nós dois não pudermos ir o pessoal pode aparecer na mesma, inclusive fora do âmbito do Encontros mensais.

Para mim só me será difícil de aparecer se se chegar a acordo que seria melhor fazer noutro dia da semana. E mesmo assim se os encontros se manterem independentemente da minha pessoa eu ficaria igualmente feliz. :)

sopadorpg.wordpress.com - Um roleplayer entre Setúbal e Almeirim

Ludonautas Podcast - Viajando, sem nos

sopadorpg.wordpress.com - Um roleplayer entre Setúbal e Almeirim
Ludonautas Podcast - Viajando, sem nos movermos, pelos mundos do RPG

Tchhiiinnaaapá

Loooonge de mim querer incentivar uma discução deste genero.

Simplesmente tenho pena de não poder comparecer. Gostei da ultima experiencia e era engraçado experimentar mais uns livritos =)

Por simpatia mencionei que gostava de ter roleplayers em Odivelas também... Nunca se sabe pode ser que existam por lá alguns :P

 

Não te preocupes: não esse

Não te preocupes: não esse tipo de discussão. :P Aliás, esta troca de ideas vem no seguimento de outra anterior.

Acredito. E espero que possas aparecer nos próximos encontros para jogarmos outras coisitas e falarmos mais um pouco.

Em Odivelas? Provavelmente! Em Almeirim é que não os há. :D Eu tenho um amigo meu que mora agora em Odivelas e gosta de jogos em geral e esteve quase a aparecer o mês passado para experimentar o WH40K em RPG. Talvez ele possa ir ao de Boardgames de Odivelas! :)

sopadorpg.wordpress.com - Um roleplayer entre Setúbal e Almeirim

Ludonautas Podcast - Viajando, sem nos

sopadorpg.wordpress.com - Um roleplayer entre Setúbal e Almeirim
Ludonautas Podcast - Viajando, sem nos movermos, pelos mundos do RPG

Quanto às datas dá uma

Quanto às datas dá uma vista de olhos à minha resposta mais abaixo. Posso reforçar que a partir de agora a data é para manter.

Apareces? Excelente. No encontro passado fez-nos falta a tal sessão de Scion ou OWoD de que tinhas falado. :P

sopadorpg.wordpress.com - Um roleplayer entre Setúbal e Almeirim

Ludonautas Podcast - Viajando, sem nos

sopadorpg.wordpress.com - Um roleplayer entre Setúbal e Almeirim
Ludonautas Podcast - Viajando, sem nos movermos, pelos mundos do RPG

Pois acredito mas

Pois acredito mas infelizmente a partir de agora o Encontro de RPG de Lisboa vai ser sempre aos segundos sábados de cada mês. Esta mudança em definitivo deve-se pois a manter o primeiro sábado de cada mês iríamos bater no Workshop de Origami que se realiza na Associação Ilusão Paralela.

Os Boardgamers de Odivela podem sempre se juntar a nós. :P

Na boa. Quando apareceres e estivermos todos logo jogamos o Lady Blackbird. ;)

Quanto ao WHFRPG 40K Deathwatch: ainda não continuámos a campanha que iniciámos naquele dia mas vou falar com o Mestre de Jogo acerca da possibilidade de termos mais um Space Marine a serviço do Imperador.

sopadorpg.wordpress.com - Um roleplayer entre Setúbal e Almeirim

Ludonautas Podcast - Viajando, sem nos

sopadorpg.wordpress.com - Um roleplayer entre Setúbal e Almeirim
Ludonautas Podcast - Viajando, sem nos movermos, pelos mundos do RPG

Jogos

Epá se tiver lá a maioria continua a aventura! O Bishop é um tipo calado e passa bem por NPC ;)

No 40K era fix juntar a campanha mas pelo que entendi o jogo já estava bastante cheio como tal gostava de exprimentar uma sessãozita apenas como guest se de-se. Obrigado :)

 

sniff...

Assim como é que gozo com o rolo de papel higiénico?? :)

 

Boa sorte para o evento de Odivelas.

 

Stormrover (a.k.a. Nuno)


Last played:

Odivelas

Prometo que é o meu único post sobre isto aqui e não quero fazer um "derrail" da thread.

Por falar em Odivelas, se existem jogadores por aí, que tal se viessem até Lisboa (Saldanha) para jogarmos uma sessõezitas de Conan RPG? Temos um local bem grande e confortável. Opcionalmente, podemos falar em irmos até Odivelas, se bem que Lisboa seja um centro para quem vem dos lados de Sacavém e tal. O link para esta conversa é aqui para não descarrilarmos aqui esta conversa.

Ok e não fazendo "derail"

Ok e não fazendo "derail" ao "derail"... porque é que vocês não aparecem no próximo encontro mensal e jogam isso por lá, recrutando assim mais jogadores? Uma sessão one-shot, e que seja periférica à campanha se já a realmente começaram, seria bastante interessante. ;P

Nós começamos a nossa campanha de Warhammer 40K Deathwatch no próprio encontro e tal permitiu à algum pessoal experimentar sem compromisso e revelou-nos também possíveis interessados em jogar. :)

sopadorpg.wordpress.com - Um roleplayer entre Setúbal e Almeirim

Ludonautas Podcast - Viajando, sem nos

sopadorpg.wordpress.com - Um roleplayer entre Setúbal e Almeirim
Ludonautas Podcast - Viajando, sem nos movermos, pelos mundos do RPG

Muito bem então levo Scion

Muito bem então levo Scion pelo menos, tem já uma aventura pronta com personagens pre-gerados está óptimo para começar mesmo por quem não conhece o jogo ou nem sequer conhece o RPG! Do meu lado vou estudar o sistema que está longe de ser o meu favorito, mas adoro o setting é das coisas mais geniais que WW fez nos últimos anos (superado somente por Exalted na minha humilde opinião).

 

Abraço

 

"The complete fool is half a prophet."

o setting parece de facto

o setting parece de facto muito interessante...

 

em principio podes contar comigo :)

 

Stormrover (a.k.a. Nuno)


Last played:

Boa! Mas não te impeças de

Boa! Mas não te impeças de trazeres e correres um jogo de que goste ainda mais pois esse entusiasmo nota-se logo

sopadorpg.wordpress.com - Um roleplayer entre Setúbal e Almeirim

Ludonautas Podcast - Viajando, sem nos

sopadorpg.wordpress.com - Um roleplayer entre Setúbal e Almeirim
Ludonautas Podcast - Viajando, sem nos movermos, pelos mundos do RPG

Hmmmm

Mais ainda? Meu caro jrmariano, Scion combina dois dos meus hobbies favoritos: Mitologia & RPG! Além disso sou da opinião que um mau ou menos conseguido não se deve intrometer no meio de um bom setting ou impedir jogadores e ST de disfrutarem de um excelente setting e histórias fantásticas!

 

"The complete fool is half a prophet."

Eu por acaso gosto muito da

Eu por acaso gosto muito da ideia de "Deuses no mundo actual" e o impacto destes no destino dos simples mortais e à abordagem moderna à sua mitologia. Não fiquei assim tão impressionado com a estética de filme de ação dos anos 90 e as regras um pouco mal desenvolvidas.

sopadorpg.wordpress.com - Um roleplayer entre Setúbal e Almeirim

Ludonautas Podcast - Viajando, sem nos

sopadorpg.wordpress.com - Um roleplayer entre Setúbal e Almeirim
Ludonautas Podcast - Viajando, sem nos movermos, pelos mundos do RPG

Por curiosidade

Só por curiosidade, já que não conheço o jogo (apenas dei uma olhada ao QuickStart PDF): os player characters sabem, à partida que têm relações familiares com deuses, ou isso pode variar?

 

 

Curiosidade

Segundo as regras do jogo sabem sempre, porque sem a Visitation são o que em Exalted se chama "Mortal Hero", ou seja humanos, com capacidades humanas, apesar de extraordinários (Ex.: um filho de Poseidon antes da Visitation, ou seja sem saber a sua origem divina seria a o Michael Phelps. Depois da Visitation teria poderes sobrenaturais).

Por isso na aventura já sabem tudo. Nas minhas crónicas gosto de fazer abordagens diferentes e alterações e experimentar diversas perspectivas.

 

"The complete fool is half a prophet."

Eu vou!!!!

Eu vou!!!!

Duvida

Nesse evento de Lisboa terá D&D??

Bem, por acaso no 1º

Bem, por acaso no 1º Encontro corri D&D 4ª edição na sua versão introdutória (a anterior à nova caixa vermelha). Desta vez só o 3:16 e o Scion estão confirmados ficando por decidir de momento qual serão os outros jogos a levar.

Queres trazer o D&D e correres para o pessoal que quiser experimentar? :)

sopadorpg.wordpress.com - Um roleplayer entre Setúbal e Almeirim

Ludonautas Podcast - Viajando, sem nos

sopadorpg.wordpress.com - Um roleplayer entre Setúbal e Almeirim
Ludonautas Podcast - Viajando, sem nos movermos, pelos mundos do RPG

Bom...

Eu não tenho os livros de D&D e nem os dados.

E tava afim de jogar D&D, aliás procuro um grupo pra jogar quem joga me diga.

Mas se não levarem jogo na msm esse 3:16 e o scion.

Listas de RPGs bons para one-shots

Olá, companheiros. Estive hoje a dar umas olhadas a umas listas de role-playing games considerados bons para one-shots e resolvi pôr os links aqui, já que acho que é uma cena relativamente pertinente.   :)

 

http://rpggeek.com/geeklist/60832/roleplaying-games-suitable-for-one-session

 

http://rpggeek.com/geeklist/56993/one-shot-high-calibre-role-playing-games

 

http://rpggeek.com/geeklist/58119/one-shot-high-calibre-rpgs-part-ii

 

http://rpggeek.com/geeklist/52903/one-shots

 

Uma boa parte destes são pagos mas a lista contem algumas coisas que me pareceram interessantes e que me deram curiosidade de jogar. Se conhecerem algum de nota ou tiverem opiniões, comentem. Thanks.

Já agora, in a not completely unrelated topic, também vos deixo aqui duas listas de Free RPGs.
Abraços e bons jogos e tal!   :)
Henrique

 

Excelente, Henrique, boa

Excelente, Henrique, boa malha! :)
Da primeira lista posso-te dizer que estão lá uns quantos que quero experimentar (A Penny for My Thoughts, Fiasco e o Montsegur 1244) mas os que já joguei, o InSpectres (tinha impresso mas não sei onde está) e o Don't Rest Your Head (que tenho!) são excelentes! Ah, o Breaking the Ice também tenho mas deve ser difícil convencer-vos a jogar um jogo romântico para duos de jogadores. :P

Da segunda o The Shab Al-Hiri Roach parece-me bem.

Hey, e o Baron Munchausen é o jogo a jogar quando a associação se torna no bar noturno... definitivamente.

Da terceira lista, talvez o Sérgio Mascarenhas traga o Toon para jogarmos um dia destes? :D

Quanto aos gratuitos, o Nine Worlds e o Anima Prime parecem ser porreiros.

sopadorpg.wordpress.com - Um roleplayer entre Setúbal e Almeirim

Ludonautas Podcast - Viajando, sem nos

sopadorpg.wordpress.com - Um roleplayer entre Setúbal e Almeirim
Ludonautas Podcast - Viajando, sem nos movermos, pelos mundos do RPG

jrmariano escreveu: Da

jrmariano escreveu:
Da terceira lista, talvez o Sérgio Mascarenhas traga o Toon para jogarmos um dia destes? :D

 

Hmmm Toon... que saudades do meu Minotauro Vermelho que conseguiu tirar o Estádio da Luz (o antigo) do seu Bag of Tricks :)

 

Resultádio óbvio... ficou soterrado :D

 

 

Stormrover (a.k.a. Nuno)


Last played:

Minotauro Vermelho?

Minotauro vermelho? Ele deveria ter alguns problemas em se conter em frente aos espelhos, não? :P

tra-la-la

Espelhos?? O que é isso?

 

:P

 

p.s.: nem me tinha apercebido a quem é que estava a responder ;)

 

Stormrover (a.k.a. Nuno)


Last played:

Cabe sempre na mala

Sérgio

Assim à cabeça

Assim à cabeça voluntario-me para correr Don't Rest Your Head e o Inspecters nos próximos encontros :)

Dos restantes o Roach, do que me lembro, não tem GM mas é preciso comprar mesmo o jogo para ter os cartoes que são uma parte importante do jogo, o que é uma pena. O Breaking The Ice acho que não funciona para one-shot, porque é preciso fazer algum prep-work antes de começar a jogar e mesmo assim acho que ainda precisa de umas boas três sessões, mas também só li o jogo e nunca joguei.

Eu também tenho umas

Eu também tenho umas versões introdutórias de jogos do World of Darkness, tipo Mage: the Awakening e Geist: the Sin-eaters que gostava de jogar.

E quem quiser levar Vampire um dia destes talvez tenha um incentivo na forma de um prémio. :)

sopadorpg.wordpress.com - Um roleplayer entre Setúbal e Almeirim

Ludonautas Podcast - Viajando, sem nos

sopadorpg.wordpress.com - Um roleplayer entre Setúbal e Almeirim
Ludonautas Podcast - Viajando, sem nos movermos, pelos mundos do RPG

Sem esquecer que eu estou a

Sem esquecer que eu estou a correr para ter uma versão pronta para playtest do down*town a tempo do Encontro!





A jogar: D&D 4th Dark Sun
A escrever: down*town, tech-noir rpg

A escrever: down*town, tech-noir rpg
Proto Agonístes um rpg de auto-descoberta, de um personagem e vários jogador

hmmm?

Eu teria o maior prazer em levar Vampire, mas como sou um troglodita só o faria(farei) modo OLD World Of Darkness. Fiquei parado no tempo que nem um velho jarreta e recuso-me a evoluir para o NWoD! :P

Outro jogo que teria todo o gosto levar experimentei eu com o RickDanger no 1º Encontro de Roleplayers do Porto e que para one-shots e este tipo de eventos é do melhor e garante risos, muita diversão e momentos hilariantes: OG

 

"The complete fool is half a prophet."

Podes sempre trazer Old

Podes sempre trazer Old World of Darkness. Eu por mim adoro os dois!

sopadorpg.wordpress.com - Um roleplayer entre Setúbal e Almeirim

Ludonautas Podcast - Viajando, sem nos

sopadorpg.wordpress.com - Um roleplayer entre Setúbal e Almeirim
Ludonautas Podcast - Viajando, sem nos movermos, pelos mundos do RPG

Bem, então levo o meu

Bem, então levo o meu portátil, assim levo umas quantas dezenas de RPGs é só escolher LoL

"The complete fool is half a prophet."

Devido a problemas com os

Devido a problemas com os transportes aqui na minha zona não vou conseguir ir :/ Escolheram um belo dia para atrofiar a rede... enfim! Desculpem.

"The complete fool is half a prophet."

Pena. Havia pessoas

Pena. Havia pessoas interessadas e prontas a jogar Scion.

sopadorpg.wordpress.com - Um roleplayer entre Setúbal e Almeirim

Ludonautas Podcast - Viajando, sem nos

sopadorpg.wordpress.com - Um roleplayer entre Setúbal e Almeirim
Ludonautas Podcast - Viajando, sem nos movermos, pelos mundos do RPG

Infelizmente chegei

Infelizmente chegei relativamente tarde ao encontro e acabei por não jogar quase nada (um pouco por mea culpa, pois não me encontrava preparado para mestrar nada do que havia disponivel por parte do João)

Observei parte do Mundo de Aventuras do Sérgio, mestrado pelo João, que pareceu-me ser muito interessante... a ver se experimento um dia...

Acabei por experimentar im pouco do Down*Town, mas infelizmente tive de sair a meio, pelo que não deu para experimentar a plenitude deste jogo...

 

A ver se para o mês que vêm preparo qualquer coisa para a eventualidade de ter de mestrar qualquer coisa...

 

Tenho umas ideias mas preciso de alguma preparação ;)

 

Stormrover (a.k.a. Nuno)


Last played:

Nah, não tens culpa de

Nah, não tens culpa de nada! Como é que ias estar preparado para alguma coisa sem combinarmos primeiro? Poderes psíquicos? Bem que essa língua azul nunca me engan....

Quando te apetecer levas qualquer coisa. Faz-nos sempre falta mais GMs. :)

Apesar de termos começado também tarde ainda deu para experimentar o sistema do Sérgio com o encaixe medieval e esboçar melhor o que levo para a Festa Medieval Escolar. Obrigado a todos os que participaram pelo interesse e ao Sérgio pela ajuda que deu antes de e durante a sessão. Espero que os jogadores tenham gostado e se divertido!

E que tal o DOWN*TOWN? Foi porreiro? Infelizmente tive que me vir embora no início.

De resto este Encontro teve um ritmo diferente com mais conversa e convívio antes e durante as sessões. Gostei! :D

sopadorpg.wordpress.com - Um roleplayer entre Setúbal e Almeirim

Ludonautas Podcast - Viajando, sem nos

sopadorpg.wordpress.com - Um roleplayer entre Setúbal e Almeirim
Ludonautas Podcast - Viajando, sem nos movermos, pelos mundos do RPG

Tangente: A ti também já

Tangente: A ti também já te passou pela cabeça mostrar ao Ministério da Educação que os rpg's podem ser bons para ensinar história de Portugal?





A jogar: D&D 4th Dark Sun
A escrever: down*town, tech-noir rpg

A escrever: down*town, tech-noir rpg
Proto Agonístes um rpg de auto-descoberta, de um personagem e vários jogador

Que sejam bons par isso,

Que sejam bons par isso, sim. Em Mostrar ao ME? Não.

sopadorpg.wordpress.com - Um roleplayer entre Setúbal e Almeirim

Ludonautas Podcast - Viajando, sem nos

sopadorpg.wordpress.com - Um roleplayer entre Setúbal e Almeirim
Ludonautas Podcast - Viajando, sem nos movermos, pelos mundos do RPG

Continuando a tangente: é o

Continuando a tangente: é o que fez o Gil de Orey com os seus jogos, antes de saltar em grande com o Aljubarrota: mostrava-os às câmaras municipais como jogos temáticos sobre a cidade, e vendia-os assim.

Um jogo como o do Sérgio pode tornar-se um bom veículo para isto.





A jogar: D&D 4th Dark Sun
A escrever: down*town, tech-noir rpg

A escrever: down*town, tech-noir rpg
Proto Agonístes um rpg de auto-descoberta, de um personagem e vários jogador

Interessante

É um tema muito interessante esta questão de cruzar jogos com a educação e afins, e usá-los como ferramentas de aprendizagem, de potenciadores de imaginação, convívio e criatividade; mesmo para além do simples interesse de informar mais pessoas do mundo dos RPGs.

 

Isto faz-me lembrar uns videos que o Scott Nicholson (que fazia o programa "Board Games with Scott") às tantas fez sobre trazer os jogos (boardgames, RPGs e outros do género ou sem ser) para as bibliotecas.

Ainda só vi alguns dos videos, mas nesta temática dos jogos como recurso e ferramenta educativa nas bibliotecas são muitíssimo interessantes.

 

Para quem não conhece e tenha paciência para ouvir, aqui vai a introdução (2mins):

http://www.gamesinlibraries.org/course/?page_id=117

 

Dos que vi, um que achei interessante foi, por exemplo, o Episódio 10, sobre 5 arquétipos de gaming experiences e para que tipo de situações elas são mais interessantes/potenciadoras:

Strategy

Narrative

Action

Knowledge

Social

 

http://www.gamesinlibraries.org/course/?p=79

E que tal o down*town?

E que tal o down*town? :-)





A jogar: D&D 4th Dark Sun
A escrever: down*town, tech-noir rpg

A escrever: down*town, tech-noir rpg
Proto Agonístes um rpg de auto-descoberta, de um personagem e vários jogador

Impressões rápidas

Em primeiro lugar, é sempre ótimo rever velhos amigos (Mariano) e novos conhecidos.

Depois o Mundos de Aventuras. Agradeço ao João a disponibilidade para o mestrar e ao pessoal que se envolveu no jogo. O cenário, histórico e quase sem confronto físico, fugia bastante ao que é normal mas os jogadores entraram no espírito da coisa. Isso significou uma utilização "light" do sistema, mas que me deu excelentes indicações. Para mim foi importante ficar a ver de fora pois permitiu-me ir refletindo sobre o sistema e sobre o cenário. Gostei da forma como o João conduziu a sessão, embora tenha algumas sugestões que lhe mando depois. Porém, a forma como ele o fez deu-me umas indicações preciosas sobre como orientar o desenvolvimento do jogo, pontos que para mim não eram claros e agora são (prendem-se sobretudo com a componente do MJ mais do que com o sistema em si). Uma tarde ganha!

O Down*Town. Não joguei até ao fim mas gostei da experiência. Farei os meus comentários nas páginas do D*T aqui AoJ ou no blogue do Rui.

A organização. Ainda andamos à procura do formato mais eficaz. Do meu ponto de vista a questão de fundo é que nem todos conseguimos garantir estar no encontro ao mesmo tempo. Daí haver uma hora para os jogos arrancarem e depois haver pessoal que vai chegando e não encontra "poiso". Por volta das 14h30 havia 2 MJs (João e Diogo) e dois jogadores (eu e Johann). Pelas 3h havia um grupo a jogar com 4 jogadores, incluindo o segundo MJ (eu fiquei a assistir). Entretanto apareceu mais pessoal interessado em jogar mas não havia MJ preparado.

A minha sugestão é a seguinte: havendo 2 MJs, parece-me que um deles deve arrancar assim que tiver o número mínimo para jogar o/um jogo, digamos, 3 jogadores. O outro MJ arranca com o seu jogo assim que também tiver o mínimo de jogadores. O pessoal que for aparecendo depois integra-se num ou noutro grupo até se completarem as duas mesas. Que vos parece?

Em princípio não poderei ir ao encontro de Junho (calha no fim de semana grande e vou para fora), mas quem sabe se se organiza uma sessão de jogo por fora do encontro?

Sérgio

Epá, venham de lá essas

Epá, venham de lá essas impressões lentas porque estou aqui a rebentar de antecipação!

Sérgio, estive a olhar com olhos de ver para o Mundo de Aventuras, hoje depois de me ocorrer que podia ser uma coisa boa para ensinar História de Portugal e entrar em contacto com o Ministério da Educação/Cultura a esse respeito, e tenho algumas ideias que gostava de amadurecer e partilhar contigo sobre o sistema, se estiveres interessado.





A jogar: D&D 4th Dark Sun
A escrever: down*town, tech-noir rpg

A escrever: down*town, tech-noir rpg
Proto Agonístes um rpg de auto-descoberta, de um personagem e vários jogador

Claro, quanto mais inputs

Claro, quanto mais inputs melhor. O meu problema é tempo. Preciso de ajustar o rascunho com as notas que tomei do teste de ontem. Tenho também que trocar impressões com o João para o jogo que ele vai conduzir daqui a um par de semanas na feira medieval de Leiria. E tenho umas notas mentais para mais um cenário, a somar aos dois que lhe enviei.

E preciso de um tempinho para pôr no PC as notas sobre o Down*Town para te enviar. A ver se o faço nos próximos dias.

Sérgio

Ois, Para os que não sabem

Ois,

Para os que não sabem sou o Diogo :), fiz de GM no jogo Down*Town

Gostei muito deste encontro principalmente por quatro motivos: Apareci; Joguei; Fiquei até ao fim e conseguir correr um jogo. Tudo situação inéditas nos últimos dois encontros hehe.

Indo aos jogos em si, foi um encontro de experiências, visto só termos jogado playtest de jogos de criadores nacionais, o que me parece óptimo.

Irei dar as minha opiniões sobre os respectivos jogo no sítio apropriado. Aqui quero apenas deixar um grande obrigado aqueles que se sentaram connosco no Sábado para ajudar a testar estes jogos e o feedback que deram.

Quanto aos horários, convêm mesmo que as pessoas começem a chegar por volta das 14h, senão estou em erro por já tinhamos pessoas para jogar uma das sessões por volta da 16h só que era incluindo-me, o que fez com que os dois GMs com coisas preparadas (eu e o Mariano) estivessemos involvidos numa sessão enquanto outras pessoas iam, espaçadamente, chegando. Por outro lado, ter mais GMs com coisas preparadas também dá jeito :p

Não têm que ser grandes GMs, basta pegar num jogo que gostem muito e preparem uma pequena aventura/cenário para 2/3h de jogo, foi assim que eu e o Mariano começamos e olhem agora para nós hehe.

Espero que continuem a aparecer e cada vez mais.

Só pa dizer

Camaradas, era só para dizer que estou gostar muito de ver os encontros a correrem cada vez melhor e que gostei muitíssimo deste último encontro; ambos os jogos foram muito interessantes e correram muita bem. Parabéns aos GMs! Teria muito para dizer mas o mais importante é isto mesmo.   :P

 

Em relação a como fazer os encontros mais rentáveis  :)  em termos de número de jogos e pessoas envolvidas, acho que neste encontro tínhamos claramente mais do que quórum para correr dois jogos em simultâneo, e isso é muito bom, quer dizer que os encontros estão a ganhar força. Acho realmente que a solução passará mesmo por haver mais pessoas preparadas para correr, como GM, alguma cena. Mas também acho que isso não será difícil de acontecer; acho que já há vários GMs em potencial.   :)

 

E talvez daqui a algum tempo eu consiga também disponibilizar-me para correr qualquer coisinha, quem sabe.

Estou mais virado para uns sistemas simplificados de fantasy RPG a fazer lembrar Dungeons & Dragons (especificamente Dungeon Slayers ou OldSchoolHack) mas talvez também outras coisas possam surgir. Ainda é cedo para prever.

 

No próximo encontro nem eu nem a Susana vamos poder ir porque estamos de férias, mas ficarei atento aqui ao fórum e com muita curiosidade e desejos de que a coisa continue a aumentar de tamanho, diversidade e capacidade de fazer jogos acontecer, que de certeza, a ver pela amostra so far, vai acontecer.

 

Muitos abraços e beijinhos a todos e até breve!

Henrique

Para os autores

Ah, e esqueci-me de dar os parabéns aos autores dos RPGs (e accompaning adventures) que joguei, o Sérgio (para o Mundo de Aventuras) e o Rui (para o down*town).

Não tenho nada a apontar, ambos me pareceram bastante interessantes e muitíssimo bem conseguidos para o que se propõem simular!

Achei bastante interessante e potenciadora de storytelling a ideia, no down*town, de poder introduzir flashbacks para o passado do personagem para ganhar +1 em rolls.

 

Diogo, Henrique e Sérgio,

Diogo, Henrique e Sérgio, importam-se que copie as vossas impressões para o blog do down*town?





A jogar: D&D 4th Dark Sun
A escrever: down*town, tech-noir rpg

A escrever: down*town, tech-noir rpg
Proto Agonístes um rpg de auto-descoberta, de um personagem e vários jogador

Da-lhe

Por mim estás à grande :)

Claro que não

Sérgio

Força, força!

:)

Mais impressões!

Continuamos a ser muito bem recebidos pela Ilusão Paralela que nos tem posto bastante à vontade. Obrigado desde já!

Obrigado a todos os que apareceram e participaram com entusiasmo em sessões de jogos ainda em playtest! Pensei que seria arriscado levar jogos completamente desconhecidos, e provavelmente ainda incompletos, e que isso iria desmotivar o pessoal que aparecesse. Parece que afinal não e ainda bem! :) Obrigado por tudo na mesma.

Quanto ao formato e horários: o não termos começado logo a jogar não me chateou nada pois assim pudemos conversar e conviver um pouco antes de nos "distrairmos" com o RPG. :D

Deu para falar bastante com o Diogo, o Sérgio e o Johann (benvindo!) e depois com o Henrique e a Susana.

Quanto as sessões de jogo concorrentes depende essencialmente das expectativas do pessoal, mesmo. Se vão ao encontro principalmente para jogar tem que se assegurar que hajam sessões suficientes previamente preparadas para preencher essa necessidade. Para isso talvez seria melhor aventurarem-se mais pessoas como GMs além de mim e do Diogo ou talvez marcar-se por aqui com alguma organização prévia quais as sessões e os participantes.

Se a expectativa é mais de conviver e talvez jogar se existirem jogos preparados e pessoas disponíveis então não será necessário alterar-se muito as coisas. Além do mais se necessário podemos atrasar uma hora o início do evento.

Eu é que normalmente chego sempre mais cedo e almoço por lá e tenho de sair por volta das 18h30/19h00.

Gostei de correr o Mundo de Aventuras do Sérgio e da dinâmica de jogo alcançada pelos jogadores. Obrigado a todos. Hei-de comentar mais essa sessão na discussão acerca do Mundo de Aventuras que o Sérgio já iniciou.

Quanto ao próximo encontro existe a questão da data coincidir com um fim-de-semana prolongado que cai fazer com que apareça menos gente. Não queria estar a mudar a data outra vez pois os Origami precisam de calma e sosego. :P

sopadorpg.wordpress.com - Um roleplayer entre Setúbal e Almeirim

Ludonautas Podcast - Viajando, sem nos

sopadorpg.wordpress.com - Um roleplayer entre Setúbal e Almeirim
Ludonautas Podcast - Viajando, sem nos movermos, pelos mundos do RPG